Tricolor sofre muito, mas arranca vitória nos minutos finais

Graças a gol salvador de Michel Bastos, tricolor assume de forma isolada a vice-liderança da chave

O torcedor são-paulino que acompanhou o duelo contra o San Lorenzo-ARG com certeza não vai esquecer tão cedo dessa partida. Isso porque a vitória magra por 1 a 0 contra o time portenho atuando no Morumbi veio apenas quando tudo parecia perdido e o confronto fadado ao empate.

Além de muito importante no sentido moral, na tabela os três pontos colocam o Soberano com seis pontos ganhos, sozinho no segundo lugar do Grupo 2.

Com menos de um minuto de jogo, Pato cruzou na cabeça de Michel Bastos para o meia acertar a trave do arqueiro Torrico e dar a impressão de que o tento do Soberano sairia rapidamente, assim como foi contra o Danubio-URU. Ficou na impressão.

A partir daí, o San Lorenzo soube usar muito bem seu estilo de marcação dura e diminuição dos espaços, explorando os contra-ataques com o campo que era cedido pelo tricolor e levando certo perigo ao gol de Rogério Ceni. Nesse cenário amarrado, a partida foi para o intervalo em 0 a 0.

O segundo tempo contou novamente com um início em alta velocidade do São Paulo onde, em chute forte do lateral Carlinhos, Torrico novamente foi exigido.

+ Elenco não tem a intenção de derrubar Muricy

Um pouco mais presente na parte ofensiva, como consequência o time brasileiro também cedeu mais espaços aos hermanos, que exigiram que Rogério praticasse uma grande defesa aos 35 minutos, quando Matos chutou alto, colocado, e viu o M1TO pegar no alto, sem dar rebote.

Com a torcida irritada e nervosa com o empate sem gols que persistia no placar, a redenção veio aos 44 minutos.

Após inversão de jogo feita por Michel Bastos, Carlinhos dominou no peito e enxergou a infiltração na grande área justamente do camisa 7 tricolor.

O lateral-esquerdo deu uma verdadeira assistência, tendo Michel o trabalho apenas de testar rente a chão, bem no canto esquerdo de Torrico, para soltar o único grito de gol da noite no Cícero Pompeu de Toledo.

O próximo encontro contra o time do Papa Francisco acontecerá no dia 1° de abril, no Estádio Nuevo Gasometro, em Buenos Aires.

Confira os melhores momentos de São Paulo 1 x 0 San Lorenzo-ARG:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *