Mesmo emprestados, jogadores estão de contrato novo

Atletas que não fazem parte do plantel de Muricy passam por renovação de contrato

Pode parecer estranho, mas o fato de alguns jogadores pertencentes ao clube não integrarem o elenco do tricolor não significa necessariamente que eles estejam totalmente “fora dos planos” do São Paulo. Nessa sexta-feira, essa tese se sustentou com a informação de quem muitos atletas que ainda tem vínculo com o Soberano e que estão atuando por empréstimo em outras equipes tiveram seus contratos prorrogados.

Os nomes mais conhecidos nessa lista são os dos laterais-esquerdo Carleto (final de 2016) e Cortez (junho de 2017), além do lateral-direito Caramelo e do meia Roni (ambos com contrato até 2018). Enquanto Carleto está no Botafogo e Cortez no Albirex Niigata (Japão), os jovens vindos do Mogi Mirim como grandes promessas estão na Chapecoense (Caramelo) e Ponte Preta (Roni).

+ Dérbis do Paulistão sem visitante?

A iniciativa vai de encontro a todos os fatos e informações obtidas nos últimos meses, onde a situação financeira do clube não vai nada bem, algo que não é segredo para ninguém. Porém, a justificativa empregada por dirigentes do São Paulo é ainda tentar “fazer caixa” com esse atletas, mantendo-os em atividade para que alguma outra equipe tenha o interesse em comprá-los em definitivo.

Segundo declarações do próprio presidente Carlos Miguel Aidar, os gastos salariais do tricolor por mês chegam a assombrosos R$ 28 milhões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *