in ,

Crespo: “Se tem um culpado, sou eu”

Hernán Crespo

O São Paulo ainda não venceu no Brasileirão, e é apenas o 18ª colocado, com três pontos conquistados em seis jogos

Depois do empate do São Paulo com o Cuiabá, por 2 a 2, nesta quarta-feira, no Morumbi, pela sexta rodada do Brasileirão, o técnico Hernán Crespo comentou a situação do Tricolor na tabela. Com três pontos, o São Paulo é o 18º colocado.

O resultado não está chegando, e um culpado está aqui (apontando para ele mesmo), não está jogando. O Liziero é um grandíssimo jogador, de muita personalidade e que pode jogar. É da vida, tem muita personalidade para continuar jogando Quando falam de culpado, se tem um culpado, sou eu”, disse Crespo, ao responder uma questão sobre o volante.

Depois de ter saído na frente com o gol de Benítez, o São Paulo tomou a virada e conseguiu o empate no segundo tempo. Apesar do resultado, Crespo se mostrou contente com outro aspecto.

“No jogo de hoje eles chegaram duas vezes e fizeram o gol, a realidade é essa. É um momento que cada mínimo detalhe negativo, pagamos muito caro. Mas acredito que, se hoje um time deveria ganhar, era o São Paulo. O São Paulo teve chances para marcar, acho que duas vezes a bola pegou na trave, mas isso é futebol”, comentou.

“A minha tranquilidade é que vi um São Paulo protagonista, que mereceu ganhar, mas a vida me ensinou que no futebol acontece isso. A única saída é continuar trabalhando“, completou o treinador.

Questionado se o time está abalado emocionalmente, Crespo continuou batendo na tecla de que apenas o trabalho tirará o São Paulo da zona de rebaixamento.

A situação não é fácil. Não é a situação que todos pensávamos, não é o melhor começo e sabemos. Não merecemos estar aí, mas estamos, então vamos aceitar e continuar trabalhando sabendo que temos um elenco que pode conseguir resultados melhores, sem dúvidas. É continuar trabalhando, insistir”, concluiu o treinador.

O São Paulo volta a campo pelo Campeonato Brasileiro no próximo domingo, às 20h30, para enfrentar o Ceará no Castelão.

Foto: saopaulofc.net

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara