in ,

Como pode ser o São Paulo de Hernán Crespo?

Como pode ser o São Paulo se o técnico for Hernán Crespo?

Campeão da Sul-Americana foi o escolhido para a vaga de técnico do São Paulo no lugar de Fernando Diniz

A diretoria são-paulina enfim chegou a um acordo com Hernán Crespo depois de várias entrevistas para substituir Fernando Diniz no comando do Tricolor. O novo treinador chega com mais cinco pessoas para complementar a comissão técnica e tem um vinculo de dois anos com o clube. 

O técnico de 45 anos é conhecido por gostar de pressionar o adversário logo que perde a bola e ter a saída de bola desde os seus zagueiros, porém sempre indo para o ataque. 

Veja abaixo como é a saída de bola do Defensa de Crespo:


Crespo costuma trabalhar suas equipes em dois sistemas: o 3-1-4-2 e o 3-2-4-1. Gosta de ofensividade e intensidade, seja com ou sem a bola. 

LEIA MAIS
Dez jogadores formados em Cotia que saíram do clube antes de completar 100 jogos no profissional
O que o São Paulo pretende fazer com dinheiro da venda de Brenner?
Ídolo lidera lista de saídas do São Paulo

Na construção ofensiva, aparece a amplitude. Assim que a bola passa do sistema defensivo, os times de Crespo costumam usar as inversões de jogo, buscando sempre os pontas nos lados do campo. Os alas costumam apoiar bastante o ataque, sem muitas preocupações defensivas.

As equipes que Crespo dirigiu costumar ter bons ataques, mas defesas ruins. O Defensa y Justicia campeão da Sul-Americana deste ano terminou a competição com o segundo melhor ataque, com 16 gols e a sexta pior defesa, com sete gols sofridos. Na Libertadores, o time terminou em terceiro no Grupo G, o mesmo do Santos, com seis pontos, sendo oito gols marcados e fez sofridos.

Crespo está no Defensa desde janeiro de 2020, onde comandou a equipe em 32 jogos, com 13 vitórias, dez empates e nove derrotas. Foi campeão da última Sul-Americana vencendo o Lanús.

Foto: Divulgação
Fonte: LANCE!

O que achou?

-3 pontos
Upvote Downvote

Escrito por Natália Milreu