in ,

São Paulo aposta em bom retrospecto contra os times na parte debaixo da tabela

Time do São Paulo antes da partida contra o América. Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net 

Tricolor enfrenta no domingo, às 16h (de Brasília), a Chapecoense e tem ótima oportunidade de alterar a própria realidade na competição

O São Paulo ocupa a 13ª colocação, com 27 pontos, quatro a mais do que o Bahia, primeiro time na zona de rebaixamento. Além dos baianos, Chapecoense, Grêmio (que tem 20 jogos), Sport, Santos, Juventude e América-MG se encontram abaixo na classificação após 22 rodadas.

Antes de encarar a Chape novamente, o São Paulo somou três vitórias, três empates e uma derrota contra os adversários posicionados atrás na tabela de classificação.

LEIA MAIS
Tudo encaminhado para voltarem as bandeiras com mastro
São Paulo quer renovar contrato com cinco jovens da base

O aproveitamento de 57%, registrado contra esses times, daria a terceira colocação ao São Paulo, que ocupa a parte baixa da tabela desde o início da competição. A primeira vitória são-paulina veio somente na décima rodada, diante do Internacional.

O São Paulo venceu Grêmio e Bahia no Morumbi e Sport na Ilha do Retiro. A equipe empatou com a Chapecoense e América-MG, também como mandante, e contra o Juventude, em Caxias do Sul.

A única derrota foi para o Santos, na Vila Belmiro, na quinta rodada, quando o rival não se encontrava entre os times ameaçados pela região mais indesejada da tabela.

Contra a Chapecoense no turno, a partida ficou marcada pela expulsão de Rodrigo Nestor ainda no primeiro tempo. O tropeço ainda custa caro ao tricolor, em virtude da campanha ruim dos catarinenses em toda competição (venceram apenas uma vez).

Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net
Fonte: Globoesporte.com

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara