in , , ,

Goiás 0 x 1 São Paulo – Campeonato Brasileiro 2008

Nostalgia dessa semana relembra a rodada decisiva do título do Tri-Hexa em 2008

No início do segundo turno, o tricolor estava na quinta posição, somando 33 pontos – 11 atrás do líder Grêmio – e tinha cinco derrotas no torneio, sendo duas delas para o tricolor gaúcho. Naquele momento, a mídia não acreditava no time e estampava nas manchetes que tínhamos apenas 1% de chance de conquistar o título de campeão brasileiro daquele ano e talvez essa tenha sido a motivação que faltava para nos impulsionar. Embalamos uma sequência de 18 jogos invictos – recorde do time até hoje. E não perdemos mais até o fim do campeonato.

Na 33ª rodada, após vencer o Internacional por 3 a 0, enquanto o Grêmio ficou apenas no empate por 1 a 1 contra o Figueirense, finalmente chegamos na liderança, de onde não saímos mais. O título poderia ter vindo no Morumbi na penúltima rodada, contra o Fluminense, mas o empate com o tricolor carioca adiou a conquista para a última rodada.

Era um domingo, mais precisamente dia 07 de dezembro de 2008, o São Paulo visitou o Goiás no Bezerrão (DF) e, ao vencer o time goiano por 1 a 0, garantiu o primeiro tricampeonato consecutivo da história do Campeonato Brasileiro – chegando a seu sexto título.

O gol da vitória foi marcado por Borges, aos 22 minutos do primeiro tempo. Ele aproveitou o chute de Hugo após o rebote de Harlei – goleiro do Goiás – na falta cobrada pelo então goleiro e capitão tricolor, Rogério Ceni.

Foi o último título brasileiro conquistado pelo São Paulo até hoje.

FICHA TÉCNICA:

Local: Bezerrão, Gama (DF)
Data: 07/12/2008 (domingo)
Horário: 17h00 (de Brasília)
Árbitro: Jaílson Macedo Freitas
Cartões amarelos: Harlei, Rafael Marques, Henrique, Vitor, Ramalho e Paulo Baiar (Goiás); Rodrigo e Jorge Wagner (São Paulo)
Cartão vermelho: Não houve
Gol: Borges, aos 22min (São Paulo)

GOIÁS: Harlei; Rafael Marques, Ernando e Henrique; Vitor, Ramalho, Fahel (Romerito), Paulo Baier, Julio Cesar (Adriano Gabiru) e Thiago Feltri; Fausto (Alex Terra). Técnico: Hélio dos Anjos.

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Miranda, André Dias e Rodrigo; Joílson (Jancarlos), Hernanes, Richarlyson, Hugo e Jorge Wagner; Dagoberto (Bruno) e Borges. Técnico: Muricy Ramalho.

Assista aos melhores momentos do jogo:

O que achou?

Escrito por SPFC Noticias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0