No primeiro clássico que vale vaga, Ceni vê um São Paulo diferente

Ainda sem ter vencido um rival estadual neste ano, o goleiro Rogério Ceni lembra que, no domingo, contra o Santos

O retrospecto do São Paulo nos clássicos desta temporada pressiona o clube para os jogos decisivos do Campeonato Paulista e da Copa Libertadores. Essa será a primeira vez que uma derrota pode custar a eliminação em um campeonato.

“O Santos tem um time muito bom e está na nossa frente em pontuação. Vamos ter de superar. É o primeiro clássico do ano que vale uma eliminação ou a continuidade. É uma belíssima equipe, com um ataque rápido, de Geuvânio, Ricardo Oliveira, Robinho… Tem muita gente boa”, afirmou.

+ VEJA AQUI OS 20 JOGADORES RELACIONADOS PARA A PARTIDA DE HOJE

Em 2015, o São Paulo perdeu duas vezes para o Corinthians, uma para o Palmeiras e empatou sem gols contra o Santos. A igualdade na Vila Belmiro teve justamente Rogério Ceni como destaque, diante da boa atuação do rival.O desempenho ruim contra seus principais adversários gerou irritação por parte da torcida e pressionava Muricy Ramalho, que deixou o clube por problemas de saúde. Depois do jogo deste domingo, pela semifinal do Paulistão, o Tricolor enfrentará outro clássico, contra o Corinthians, na quarta, pela Libertadores.

“Deus queira que tenhamos mais do que esses dois jogos (importantes). Está sendo um ano com muitos clássicos paulistas. Os quatro grandes chegaram à semifinal da competição e isso valoriza, não podemos perder mais. Quem perder dança”, ponderou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *