Três jogos para definir nosso futuro

Hoje o Tricolor enfrenta o Botafogo no Engenhão e PRECISA vencer

Há apenas três rodadas para o fim do primeiro turno, o Tricolor se encontra em uma posição muito incômoda na tabela (18ª posição). Pode parecer alarmista, mas eu diria que essas muito provavelmente são as rodadas que irão definir o futuro do São Paulo na competição.

Nossos próximos adversários são, além do Botafogo, no jogo de mais tarde, as 16 horas, Coritiba (no Morumbi, dia 3) e Bahia (na Fonte Nova, dia 6). Teoricamente o time do RJ é o embate mais difícil a ser vencido, uma vez que se encontra, atualmente, na 7ª posição da tabela, enquanto Coritiba e Bahia se encontram na 15ª e 14ª, respectivamente.

É claro que o ainda haverão outras 19 rodadas para o São Paulo se recuperar após essas partidas, mas o efeito psicológico de terminar o primeiro turno na zona de rebaixamento pode ser o diferencial entre o sucesso e a danação eterna (vulgo rebaixamento), pois a pressão por uma reação passará para um outro nível, talvez afetando até mesmo a paciência e o apoio que a torcida tem demonstrado até o momento.

O efeito desesperador pode ser constatado ao acompanhar a trajetória de outros clubes, considerados grandes, que já foram rebaixados. Isso sem falar que outros times que também estão na briga pra não cair sofrem o mesmo impacto e a briga se acirra. A virada de turno costuma ser um momento de definições dos rumos do campeonato, seja para indicar o possível campeão (desde o início dos pontos corridos, apenas uma vez o vencedor do primeiro turno não venceu o campeonato), ou para indicar os times que provavelmente serão rebaixados.

Há levantamentos estatísticos que corroboram que, na maioria das vezes, os times que encerram o primeiro turno no Z4 acabam de fato sendo rebaixados.

Mas é claro que há exceções e o próprio SPFC é um exemplo disso. Em 2013 encerramos o primeiro turno na 18ª posição, mas após a chegada de Muricy, conseguimos conquistar 22 pontos em 11 rodadas e revertemos a condição. Porém, não podemos nos apegar às exceções da regra geral.

Outro ponto que reforça a importância de terminar bem o turno é a sequência de jogos difíceis que teremos no início do segundo turno, o que poderia agravar ainda mais a situação.

Por isso, é crucial que o São Paulo engrene uma sequência de 3 vitórias, para atingir os 25 pontos e nos arrancar desta situação incômoda na qual estamos. Além de afastar a ameaça estatística relativa ao rebaixamento, três vitórias consecutivas dariam confiança ao elenco para atingir uma maior regularidade e conseguir melhores resultados no início do segundo turno, afastando de vez o risco do rebaixamento.

E vocês, qual sua opinião sobre esta análise? Comente abaixo e deixe-nos saber quais são suas projeções para o Tricolor nestas 3 últimas rodadas do primeiro turno.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *