in ,

Torcedor entra com ação que pode paralisar o Paulistão

A abertura do campeonato paulista de 2020 está marcada para esta quarta-feira (22), às 17h, com Novorizontino x Oeste, mas pode nem começar

Dono de um jornal em São Caetano do Sul, Walter Estevam Júnior está tentando na Justiça garantir a participação do São Caetano na elite do futebol paulista, na vaga do Água Santa. Nem que para isso o Campeonato Paulista da Série A-1 tenha de ser paralisado.

Baseado no Estatuto do Torcedor, ele se vê como parte interessada na briga de bastidores para definir o substituto do Red Bull Brasil na Série A-1 do Paulista.

Walter entrou com ação na 44ª Vara Cível de São Paulo reclamando que a Federação Paulista de Futebol “desrespeitou as regras legais e regulamentares de acesso e descenso de equipes entre uma e outra série, o que configura flagrante violação ao Estatuto do Torcedor”.

LEIA TAMBÉM:
+ Em jogo incrível, São Paulo vira o jogo e sai com vitória fora de casa
+ Veja os 23 jogadores inscritos para iniciar o Campeonato Paulista
+ São Paulo comenta sobre Dínamo ira à Fifa para cobrar pagamento

A RECLAMAÇÃO

Em 2019, o São Caetano caiu para a Série A-2 depois de fazer a segunda pior campanha da elite do estadual. Porém, como o Bragantino foi comprado pela Red Bull, criou-se uma situação proibida pelo regulamento: a presença do Red Bull Bragantino e do Red Bull Brasil na mesma divisão, pois eles são administrados pelo mesmo grupo. Com isso, o Red Bull Brasil acabou rebaixado para a Série A-2.

O certo seria o São Caetano permanecer na primeira divisão, porém a Federação Paulista de Futebol preferiu subir o terceiro colocado, no caso, o Água Santa, rival do são Paulo na primeira rodada do Paulistão 2020.

Na visão do torcedor o Red Bull Brasil e o São Bento (último colocado), deveriam ser os únicos rebaixados, respeitando o regulamento, que fala em descenso de dois clubes, nas a FPF determinou pelas quedas de três equipes: São Bento, São Caetano e Red Bull, promovendo o retorno de outras três agremiações, dessa forma, o Água Santa acabou beneficiado, chegando à elite estadual mesmo tendo sido apenas o terceiro na A-2 passada.

Walter reclama que não poderia subir o terceiro time do campeonato, o regulamento é claro, sobem dois.

Como o Red Bull Brasil caiu, porque dois times com o mesmo controlador não podem disputar a mesma divisão, o São Caetano não deveria ter sido rebaixado, para que não houvesse três descensos e três acessos.

Fonte: Jorge Nicola
Foto

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara