in , , ,

São Paulo prepara nova proposta para renovar com Rodrigo Nestor

Rodrigo Nestor (Foto: Miguel Schincariol/saopaulofc.net)

As conversas para a renovação do jovem Made in Cotia seguem travadas por falta de um consenso

O São Paulo prepara uma nova proposta de renovação para o meio-campista Rodrigo Nestor, que tem contrato até o próximo mês de novembro. 

Ainda há uma grande diferença entre os valores solicitados por Nestor e o que o São Paulo oferece. Portanto, o diálogo nos próximos dias surge como estratégia fundamental para a renovação sair a partir dessa proposta. A resposta do meio-campista é aguardada para o começo da próxima semana.

LEIA MAIS
Crespo pede zagueiro do Defensa y Justicia e diretoria se movimenta no mercado da bola
São Paulo negocia a dívida pela compra de Tchê Tchê com o Dínamo de Kiev
Marcos rasga elogios a Ceni, opina sobre carreira de técnico e diz: “Ele é mito”

Rodrigo Nestor vem ganhando espaço sob o comando de Hernán Crespo. O jovem meio-campista atuou como titular nos últimos dois compromissos da equipe do Morumbi, diante de Santos (vitória por 4 a 0) e Novorizontino (derrota por 2 a 1).

Em entrevista ao Globoepsorte.com, o diretor de futebol Carlos Belmonte afirmou que o diálogo com os representantes do atleta melhorou nas últimas semanas. Porém, há um limite para o São Paulo investir na prorrogação do acordo.

“Loucura nós não podemos fazer, o Rodrigo é promissor, mas basicamente não jogou no time titular. A gente acha que ele tem potencial, por isso queremos manter, mas vamos conversar”, falou. 

E completou: “Não posso fazer uma reforma de contrato de um jogador que se distancie dos jogadores que estão no mesmo patamar e mesmo nível, eu tenho que manter a uniformidade – finalizou o dirigente são-paulino.”

Rodrigo Nestor surgiu como destaque da base são-paulina e conquistou a Copa São Paulo de 2019. Membro da geração 2000, o meio-campista foi promovido ao time principal no início da temporada 2020, ainda sob o comando de Fernando Diniz.

Foto: saopaulofc.net
Fonte: Globoesporte.com

O que achou?

Escrito por Natália Milreu