in ,

Retrospectiva SPFC Notícias: meio campo dominado por #MadeInCotia

Luan, Nestor e Ior Gomes. (Foto: Divulgação)

Setor teve poucos reforços e viu jovens de Cotia assumirem protagonismo, principalmente Gabrie Sara, que evoluiu muito

Na terceira parte da nossa retrospectiva, vamos falar sobre os meiocampistas do São Paulo no ano de 2021. No começo deste ano, a base já era a espinha dorsal do meio-campo são-paulino. Sob o comando deFernando Diniz, o Tricolor tinha Gabriel Sara e Igor Gomes já começando a ter lugar importante na escalação titular.

Veio a nova temporada e outro treinador. Com isso, também chegaram reforços para o setor, como o volante William e o meia Benítez. No entanto, os dois não tiveram sequência, muito por conta de problemas físicos e lesões, abrindo cada vez mais espaço para os garotos da base. 

Luan, Nestor, Liziero, Igor Gomes e Gabriel Sara tomaram conta do meio-campo são-paulino e formaram por muitas vezes, revezando entre eles, os titulares do setor da equipe, tanto com Crespo no primeiro semestre, quanto com Rogério Ceni na parte final da temporada. 

As estatísticas mostram o domínio da base no setor: dos dez jogadores que mais atuaram na temporada do São Paulo, quatro são meio-campistas e da base: Rodrigo Nestor, Igor Gomes, Liziero e Gabriel Sara. 

VEJA OS NÚMEROS DOS DEFENSORES DO SÃO PAULO EM 2021

Rodrigo Nestor – 55 jogos, um gol marcado e seis assistências
Igor Gomes – 52 jogos, três gols marcados e três assistências
Gabriel Sara – 47 jogos, dez gols marcados e três assistências
Liziero – 42 jogo, dois gols marcados
Benítez – 42 jogos, quatro gols marcados e seis assistências
Luan – 40 jogos, três gols marcados e uma assistência
Talles Costa – 16 jogos
Gabriel – 12 jogos 
Shaylon – 11 jogos, uma assistência
William – nove jogos

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara