in , ,

Relato do jogo: São Paulo 0x0 Athletico-PR

São paulo e Athletico ficam no 0x0 no Morumbi. (Foto: Rubens Chiri/São Paulo)

Em jogo truncado e com boas chances do Tricolor, equipes ficam no 0 a 0, e seguem na luta contra o rebaixamento; times têm 42 pontos conquistados

São Paulo ficou no 0 a 0 com o Athletico-PR na noite desta quarta-feira (24), no Morumbi, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado foi ruim para ambas as equipes, já que o Tricolor fica na 14ª posição com 42 pontos, mesma pontuação do Furacão, que está na 12ª colocação.

O São Paulo volta a campo contra o Sport, no próximo sábado (27), às 21h30, novamente no Morumbi. Já o Athletico encara o Corinthians, no domingo (28), às 16h, na Neo Química Arena.

O JOGO

​A partida iniciou com o São Paulo buscando impor o ritmo. Logo no primeiro minuto, Rigoni avançou e cruzou rasteiro. Calleri se esticou e quase alcançou a bola para finalizar.

Aos seis, Calleri ganhou a jogada perto da área e tocou pelo alto para Rigoni. O atacante se jogou na bola e conseguiu desviar, mas Santos fez boa defesa, evitando o gol são-paulino. Quatro minutos depois, Rigoni bateu bonito de fora da área para boa defesa do goleiro do Athletico.

Aos 13 minutos, um lance polêmico aconteceu. Reinaldo fez falta dura em Renato Kayzer, atingindo o tornozelo do atacante com a sola. O árbitro Leandro Pedro Vuaden advertiu o lateral com cartão amarelo.

Depois do lance, o jogo deu uma acalmada. A chance de gol seguinte foi novamente do São Paulo. Reinaldo cruzou, Sara cabeceou de raspão e a bola passou na frente de Arboleda, que não conseguiu completar para o gol.

Aos 45, Calleri recebeu em boa condição no ataque, mas atrasou a jogada e perdeu a dividida para Pedro Henrique. A bola saiu para tiro de meta.

São Paulo x Athletico
São Paulo empatou em casa (Foto: José Tramontin/athletico.com.br)

​A etapa final começou com o Tricolor quase abrindo o marcador. Logo com um minuto, Rigoni partiu sem marcação pelo meio do campo, invadiu a área, cortou o primeiro marcador e bateu na diagonal. Marcinho tirou e evitou o gol são-paulino.

O São Paulo construiu outra chance com 13 minutos. Arboleda completou cruzamento dentro da pequena área, mas bateu em cima do Santos. Dois minutos depois, quase um lance de sorte ajudou o Tricolor. Após recuo para o goleiro Santos, ele chutou a bola em cima de Pablo, mas ela acabou saindo pela linha de fundo.

O São Paulo apostou na entrada de Benítez, mas o setor ofensivo errava no último passe, o que dificultava na chegada ao gol do Furacão.

O Tricolor conseguiu assustar aos 28. Sara rolou para trás, para Igor Gomes, que bateu em cima de Christian.

Com dificuldades na criação, o técnico do São Paulo, Rogério Ceni apostou na entrada de Pablo, que quase marcou aos 37. Orejuela chegou no fundo e cruzou. O camisa nove cabeceou forte, mas para fora, por cima da meta do Athletico-PR.

Com 42 minutos, Vitor Bueno cruzou de esquerda, Christian tirou a bola antes dela chegar em Pablo. Um minuto depois, foi a vez do Furacão chegar. Pedro Rocha segurou a bola, se livrou de Orejuela e Benítez, mas chutou torto, para fora.

No último suspiro, aos 50 minutos, Arboleda ajeitou e bateu para longe, de for da área. Final do jogo no Morumbi e empate ruim para ambos.

Foto: Rubens Chiri/São Paulo

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara

Back to Top

Log In

Forgot password?

Forgot password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

To use social login you have to agree with the storage and handling of your data by this website. %privacy_policy%

Add to Collection

No Collections

Here you'll find all collections you've created before.