Crônica – São Paulo 0 x 0 Bahia

Com um primeiro tempo horrível, e segundo melhor, VAR entra em ação, expulsa um jogador do São Paulo e prejudica a equipe 

O São Paulo enfrentou o Bahia, neste domingo, no Morumbi. O primeiro tempo da equipe foi horrível, não conseguiu impor o jogo e pouco atacou. 

Já na segunda etapa, a equipe de Cuca voltou melhor, criando chances de gols. Mas, o VAR entrou em ação e mais uma vez prejudicou o São Paulo, e em um lance que era para cartão amarelo, o árbitro de vídeo falou que era para vermelho direto. 

Veja como foi a partida: 

PRIMEIRO TEMPO

A equipe de Cuca não foi bem no primeiro tempo, o Tricolor teve mais posse de bola, mas não conseguiu converter isso em chances claras de abrir o placar. Aos 12 minutos, o jogador do Bahia pisou no tornozelo de Liziero e este teve que sair de campo, e Luan entrou em seu lugar. Bastante recuado, o Bahia marcava bem, e conseguiu sair algumas vezes no contra-ataque. Quase no fim da primeira etapa, Antony teve uma bola na trave pelo São Paulo. 

SEGUNDO TEMPO

Após um primeiro tempo horrível, o São Paulo melhorou, criou jogadas de velocidade, chutou para o gol, mas não conseguiu marcar no placar. Mas, aos 26 minutos da etapa final, o árbitro Daniel Nobre Bins prejudicou ao expulsar Toró. O jogador do Tricolor foi chutar a bola e acabou pegando o ombro do goleiro do Bahia, após o lance, o árbitro deu cartão amarelo, mas consultou o vídeo e mudou a decisão, mudando a cor para vermelho direto. Mesmo com a expulsão, o São Paulo tentou ir para cima do adversário, mas não teve sucesso. O Bahia chegou algumas vezes chances, mas parou em Tiago Volpi. 

COMO FICA: 

Com o empate, o São Paulo fica com 11 pontos após cinco rodadas. Palmeiras está com dois pontos na frente enquanto Atlético-MG com um ponto. A equipe de Cuca continua invicta na competição. 

PRÓXIMOS JOGOS:

A próxima partida do São Paulo é um clássico contra o Corinthians, fora de casa. Depois o Tricolor enfrenta o Cruzeiro, no Pacaembu, pois o Morumbi não poderá ser usado, já que vai sediar a abertura da Copa América. 

Foto: Daniel Vorley/Estadão Conteúdo