in ,

CBF divulga sedes das Eliminatórias; Morumbi receberá um jogo

A CBF definiu, nesta sexta-feira (31), as cidades e os estádios em que a Seleção Brasileira vai mandar seus jogos nas Eliminatórias para a Copa de 2022

Nesta sexta-feira, a Confederação Brasileira de Futebol anunciou as sedes dos jogos da Seleção Brasileira como mandante nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022. Os estádios e as cidades dos nove duelos foram definidos, com destaque para o clássico contra a Argentina, que será no dia 13 de outubro, na Arena Corinthians.

O primeiro compromisso do Brasil será no mês de março. O confronto que abre a agenda em casa será no Recife, na Arena Pernambuco, em que a Seleção receberá a Bolívia, no dia 27. Logo depois viaja para Lima, onde enfrentará o Peru, no dia 31.

​Foram definidas oito diferentes cidades para receber Tite e companhia: Recife, Brasília, São Paulo, Salvador, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Manaus e Belo Horizonte. Na decisão das sedes prevaleceram os critérios técnicos, além da busca por um roteiro democrático, que atingisse todas as cinco regiões do país.

Além dos fatores citados acima, a escolha das sedes no Brasil levou em conta a logística de deslocamento nas cidades, tanto internamente, quanto no traslado para os outros países. Vale destacar que em cada Data Fifa são disputados dois jogos: um como mandante e outro como visitante.

Veja as datas e os locais das partidas do Brasil como mandante:

Brasil x Bolívia
Local: Arena Pernambuco
Data: 27/3/2020

Brasil x Venezuela
Local: Estádio Mané Garrincha
Data: 3 ou 4/9/2020

Brasil x Argentina
Local: Arena Corinthians
Data: 13/10/2020

Brasil x Equador
Local: Arena Fonte Nova
Data: 12 ou 13/11/2020

Brasil x Peru
Local: Estádio Beira-Rio
Data: 30/3/2021

Brasil x Uruguai
Local: Estádio Maracanã
Data: 8/6/2021

Brasil x Colômbia
Local: Estádio Morumbi
Data: 2/9/2021

Brasil x Paraguai
Local: Arena da Amazônia
Data: 12/10/2021

Brasil x Chile
Local: Estádio Mineirão
Data: 11/11/2021

Fonte: CBF:
Foto: Divulgação

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara