Carlinhos: “Quero jogar e ajudar o time”

O lateral esquerdo Carlinhos sofreu este ano com muitas lesões e pode ter forte concorrente para 2016

Com a possível chegada de Renê, vindo do Sport, Carlinhos que chegou para o lugar do uruguaio Alvaro Pereira poderá ter uma forte concorrência, por isso, o jogador diz que quer ajudar o time, independente da posição que for jogar.

“Vinha desempenhando funções diferentes com o Osorio. No segundo tempo do jogo contra o Corinthians, atuei no meio-campo. Estou disposto a jogar em qualquer posição, desde que esteja progredindo e ajudando a equipe. Se o Milton achar que posso jogar no meio, na ponta ou na lateral, vou me doar ao máximo. Nesse momento, qualquer ajuda de qualquer jogador é importante” – disse.

+ TREINADOR DO SAN LORENZO NA MIRA DO SÃO PAULO

Dos 69 jogos que o tricolor disputou este ano, Carlinhos jogou apenas 30, mesmo assim, o defensor não se considera em débito com o clube e com a torcida.

“Foi um ano muito difícil por causa das lesões, elas me atrapalharam muito. Sempre que tinha uma sequência, me machucava e ainda tinha de recuperar tudo. Mesmo assim, me doei ao máximo. Não sinto que estou devendo porque toda vez que entrei em campo foi para fazer o máximo possível dentro das minhas condições” – concluiu.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *