in , ,

Por Onde Anda – Especial Campeões da Sul-Americana 2012

O São Paulo volta a disputar a final da Sul-Americana 10 anos após levantar a taça, em 2012, quando o Tricolor venceu o Tigre, no Morumbi

Após empate em 0 a 0 na Bombonera (palco do primeiro jogo) e vitória de 2 a 0 para o São Paulo ainda no primeiro tempo, os argentinos foram para a pancadaria no intervalo e o árbitro encerrou a partida dando a vitória e o título para o Tricolor.

Você lembra onde estão os jogadores ou ex-jogadores que foram campeões com o tricolor e onde eles estão agora? VEJA ABAIXO:

Rogério Ceni – Goleiro: ídolo da torcida são-paulina, atualmente, é o nosso treinador.

Paulo Miranda – Lateral-direito: o lateral, que também já foi zagueiro no clube paulista, tinha apenas um ano de clube quando venceu o torneio. Hoje defende o Juventude, emprestado pelo Grêmio.

Rafael Tolói – Zagueiro: ele foi uma das maiores promessas como zagueiro no cenário nacional no fim da década de 2000. Hoje é zagueiro da sensação europeia, o Atalanta.

Rhodolfo – Zagueiro: um dos melhores do Brasil na época, o zagueiro do São Paulo na final da Sul-Americana de 2012 ficou no clube até 2013. Após passar por Coritiba e Cruzeiro, o defensor está sem clube.

Bruno Cortês – Lateral-esquerdo: contratado pelo São Paulo após uma excelente temporada no Botafogo, o lateral esquerdo ficou pouco tempo jogando no time paulista. Passou pelo Grêmio e hoje defende o Avaí.

Wellington – Volante: cria da base tricolor em 2008, passou por Atlético Paranaense e hoje defende o Fluminense.

Denílson – Volante: também formado no São Paulo, hoje, está sem clube.

Jadson – Meio-campo: um dos melhores jogadores do elenco, defendeu o Vitória na Série C, mas deixou o time e o esporte.

Lucas Moura – Atacante: o jogador com mais caro da história do futebol brasileiro por muito tempo, cria da base são-paulina, já estava vendido ao PSG quando disputou a final. Agora, está no Tottenham da Inglaterra. 

Oswaldo – Atacante: rápido, ágil e muito bom de bola, Oswaldo foi muito importante na campanha são-paulina. Hoje defende o CAS, após ter sido treinado por Ceni no Fortaleza.

Luis Fabiano – titular no primeiro jogo: jogador marcante do São Paulo, o centroavante tricolor fez o que todos não podiam acreditar: foi expulso na partida de ida aos 14 minutos. Atualmente o terceiro maior artilheiro está aposentado.

Willian José – titular no segundo jogo: substituto do “Fabuloso” na partida de volta da decisão, Willian José era um dos grandes nomes para o ataque da seleção brasileira nas Copas do Mundo posteriores. Emprestado ao clube paulista, o atacante rodou um pouco até brilhar no Real Sociedad, em 2017, e hoje defende o Betis.

Ney Franco – Treinador: Após deixar o Tricolor, não conquistou nenhum título nos nove clubes que treinou. Atualmente está sem clube.

FOTO: Divulgação

O que achou?

-5 pontos
Upvote Downvote

Escrito por Rodrigo Alcântara