Volpi fala sobre permanência no São Paulo

Goleiro está emprestado pelo Querétaro, do México, até o final do ano para o Tricolor com opção de compra. Volpi falou sobre o futuro

Volpi vive um bom momento no São Paulo. Ele é titular do gol Tricolor, mas o assunto de seu empréstimo vira e mexe é citado, já que acaba no final deste ano.

Se quiser a permanência do atleta, o São Paulo terá de pagar US$ 5 milhões (cerca de R$ 20 milhões). O goleiro explicou a situação e não escondeu o desejo de continuar no clube.

“A situação é muita clara desde o primeiro dia que eu cheguei, que tem uma opção de compra do São Paulo que tem que ser exercida até o final do ano. Eu estou feliz, estou contente no clube, praticamente adaptado ao Brasil de novo, minha família cada dia mais contente também. É uma situação que não depende de mim, o que depende de mim é fazer um bom trabalho dentro de campo, lógico que fora dele também, para fazer o São Paulo exercer essa compra“, disse. 

E completou: “Muito se fala que eu posso voltar. Lógico, eu tenho contrato com o time lá e, se o São Paulo não exercer, eu volto automaticamente. Mas, como foi estipulado, isso é em dezembro, e muitas vezes as pessoas têm a ansiedade que isso seja feito agora, sendo que é uma situação contratual que já está acordada. Então, eu estou confiando, confiando em mim, confiando na equipe também, porque é um trabalho que não depende só de mim, é de toda a equipe, de resultados. Eu estou confiante que isso pode acontecer porque eu quero ficar, quero permanecer e no fim de tudo, em dezembro, isso vai estar nas mãos da diretoria.”