in ,

Veja o que falta para Benítez ser anunciado no São Paulo

Martin Benitez. (Foto: Divulgação)

Meia argentino tem tudo acertado para anúncio oficial do Tricolor, mas restam algumas questões burocráticas para estar tudo confirmado. Jogador treina desde março no CT

A semana foi agitada no São Paulo, com anúncio da chegada do meio-campo William e a apresentação oficial do atacante Eder. Os dois fazem parte dos seis reforços acertados para a temporada. No entanto, ainda falta um para completar a lista: Martín Benítez.

O meia argentino, que jogou a última temporada no Vasco, foi emprestado ao Independiente-ARG para o Tricolor e vem treinando desde o meio de março junto com o elenco no CT da Barra Funda.

A sua chegada foi acertada há pelo menos dez dias, mas o anúncio oficial não ocorreu por uma questão: burocracia. O São Paulo aguarda a chegada de alguns documentos restantes para fazer o anúncio. No entanto, apesar da demora, não há risco da negociação ser cancelada.

Vale destacar que o acerto será de empréstimo até o final deste ano, com opção de compra. O São Paulo pagará US$ 300 mil (cerca de R$ 1,6 milhão) ao Independiente pela negociação, enquanto o Vasco ficou com R$ 300 mil de ‘crédito’ para alguma futura negociação, segundo o ‘GE’.

LEIA TAMBÉM: 
Casares vê elenco do São Paulo bem reforçado
Contra-ataques e saída de bola, veja como Crespo monta a equipe nos treinos
Cuca indica Tchê Tchê para o Atlético-MG

Alguns documentos que ainda restam são esperados para inscrever o jogador no BID da CBF. Realizando esse processo, o São Paulo já pode anunciar o jogador e marcar sua apresentação. Até o momento, Bruno Rodrigues, Miranda, Orejuela, Eder e William foram anunciados e apresentados.

Benítez vem para fazer a função de armador no Tricolor sob comando de Hernán Crespo. O meia trabalha bem tanto como um articulador das jogadas, mais presente no campo de ataque, como pode funcionar como um jogador para iniciar as jogadas, buscando a bola no campo de defesa para sair ao ataque, em progressão.

Fonte: Lance!
Foto: Divulgação

O que achou?

Escrito por Natália Milreu