in ,

São Paulo tenta evitar fato inédito nas oitavas da Libertadores

GRÊMIO X SÃO PAULO FC - ESPORTES - FUTEBOL - Gol do Grêmio durante jogo válido pelas oitavas-de-final da Taça Libertadores da América - Estádio Olímpico - Porto Alegre - RS - Brasil - 09/05/2007 - Foto: Marcelo Ferrelli/Gazeta Press

Tricolor nunca foi eliminado nas oitavas da Libertadores por uma equipe estrangeira. Grêmio, Atlético-MG e Cruzeiro foram algozes do São Paulo nesta fase

O São Paulo enfrenta o Racing-ARG, nesta terça-feira, às 21h30, em Avellaneda, buscando a classificação para as quartas de final da Taça Libertadores. Além da vaga para a próxima fase, o Tricolor quer evitar um feito inédito na história da competição continental.

O Tricolor nunca foi eliminado por uma equipe estrangeira nas oitavas de final da Libertadores. Apenas três vezes fomos eliminados nesta fase, mas sempre para equipes brasileiras.

Em 2007, o São Paulo enfrentou o Grêmio e venceu por 1 a 0 no Morumbi, mas foi derrotado por 2 a 0 em Porto Alegre, dando adeus para a competição. Depois, vieram dois algozes mineiros.

Seis anos depois, em 2013, foi a vez do Atlético Mineiro eliminar o Tricolor, que perdeu por 2 a 1 no Morumbi e por 4 a 1 em Belo Horizonte.

em 2015, o Cruzeiro nos deixou fora daquela edição de Libertadores, que marcou a despedida de Ceni no certame continental.

Com uma vitória por 1 a 0 para cada lado e derrota nos pênaltis. Ceni converteu sua cobrança de pênalti e ainda defendeu outras duas. No entanto, a atuação do goleiro não foi suficiente para evitar a derrota por 4 a 3.

ELIMINAÇÕES DO SÃO PAULO NAS OITAVAS DE FINAL DA LIBERTADORES:

2007

São Paulo 1 x 0 Grêmio (02/05/2007) – Morumbi
Grêmio 2 x 0 São Paulo (09/05/2007) – Estádio Olímpico

2013

São Paulo 1 x 2 Atlético-MG (02/05/2013) – Morumbi
Atlético-MG 4 x 1 São Paulo (08/05/2013) – Arena Independência

2015

São Paulo 1 x 0 Cruzeiro (06/05/2015) – Morumbi
Cruzeiro 1 (4) x (3) 0 São Paulo (13/05/2015) – Mineirão

Foto: Marcelo Ferrelli/Gazeta Press

O que achou?

-2 pontos
Upvote Downvote

Escrito por Rodrigo Alcântara