in ,

São Paulo quer antecipar testes de Covi-19 para ganhar tempo na volta aos treinos

Liberação para os treinos em São Paulo só acontecerá a partir do dia 1 de julho

O São Paulo pensa em antecipar a testagem do elenco profissional para ganhar tempo antes da volta aos treinos, liberada a partir do dia 1º de julho pelo governador João Dória (PSDB).

Reunião virtual com Federação Paulista é cancelada para que cenário seja melhor estudado

A ideia discutida entre os presidentes Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, do São Paulo, e de outros clubes seria iniciar os testes a partir desta quinta-feira, quando estava marcada uma reunião virtual com a Federação Paulista de Futebol para debater os próximos passos. Esse encontro, no entanto, foi cancelado para que o cenário seja melhor estudado.

O motivo de o São Paulo querer antecipar os testes é que, se eventualmente jogadores forem diagnosticados com Covid-19, o clube isolaria esses atletas em quarentena imediatamente. Assim, eles retornariam praticamente no início dos trabalhos com o grupo, no começo de julho.

Esse movimento evitaria que jogadores contaminados e diagnosticados perto do dia 1º de julho perdessem os primeiros 15 dias da nova pré-temporada. O São Paulo entende que existe o risco de contaminação desde agora até o fim do mês, mas acredita que a tendência é que isso diminua.

PRESIDENTES E DIRIGENTES DE CLUBES PAULISTAS SE IRRITARAM COM A DECISÃO 

O que mais irrita os cartolas paulistas é o fato de o comércio e os shoppings estarem abertos. Se locais fechados que acomodam milhares de pessoas de uma vez são permitidos, por que não treinos individuais em locais abertos, que mobilizariam no máximo 50 pessoas?

Os dirigentes de clubes paulistas também se preocupam com a vantagem esportiva – e até financeira – que times de outros estados podem conseguir por terem voltado aos treinos antes. Além dos cariocas, que já vão voltar a jogar, citam grandes gaúchos, Grêmio e Inter, e o Atlético-MG.

O que achou?

Escrito por Natália Milreu