São Paulo precisa vender jogadores para cobrir prejuízo

Clube vai avaliar eventuais propostas por jogadores pois precisa cobrir o déficit de R$ 77 milhões registrado entre janeiro e agosto

Segundo o Globoesporte.com, o São Paulo precisa vender jogadores para ganhar dinheiro e cobrir seu prejuízo financeiro. A necessidade se dá pelo déficit de R$ 77 milhões registrado entre janeiro e agosto. 

O clube irá avaliar eventuais propostas por atletas. A diretoria projetava ganhar R$ 121,4 milhões com negociações, mas arrecadou R$ 71 milhões em transferências de atletas. A venda de Morato ao Benfica, confirmada em setembro, não entra nesta conta.

Na janela do meio de ano, o São Paulo adotou a estratégia de apostar em ganho esportivo e não vender seus principais destaques de Cotia. Entre eles, Antony, pelo qual a diretoria afirma ter recusado oferta de 20 milhões de euros – esse dinheiro deixaria o orçamento no azul.

Esse panorama agora mudou, e o São Paulo está aberto a avaliar eventuais propostas. Apesar da necessidade de vender, o clube adota o discurso de que não vai se desfazer de seus jogadores por qualquer oferta. Neste momento, por exemplo, uma possível proposta como a que foi recusada por Antony seria analisada.

A necessidade de vendas está descrita em um trecho do balancete do São Paulo:

“(…) o planejamento é readequar o elenco de atletas no sentido de reduzir custos e prover receitas suficientes, substancialmente com a negociação de direitos federativos de atletas profissionais e com melhor desempenho esportivo da equipe de futebol, para manter o custeio mensal do futebol profissional e reduzir o endividamento geral do Clube, objetivando os patamares previstos na proposta orçamentária aprovada pelo Conselho Deliberativo”

Entre os jogadores do São Paulo valorizados no mercado estão os jovens Liziero, Antony e Igor Gomes. O volante foi o principal alvo de observação do Barcelona. Além deles, o clube também entende que o zagueiro Arboleda poderá receber propostas. 

Foto: Marcelo Hazan
Fonte: Globoesporte.com