São Paulo pede ao STJD a liberação de Wellington

O departamento de futebol do São Paulo conversou com o Wellington e ouviu do volante, o desejo de ajudar o time ainda este ano

Após o sinal positivo do jogador, o Tricolor fez um pedido para o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) para liberar o volante para voltar a treinar no CT da Barra Funda.

+ Em São Paulo, quem manda é o TRICOLOR!Wellington São Paulo (Foto: Reprodução/Instagram)

Sem poder frequentar o CT da Barra Funda por conta da pena, Wellington mantém a forma com um preparador físico particular durante janeiro e a primeira metade de fevereiro.

Fora da lista de 30 inscritos para a fase de grupos do São Paulo na Libertadores, Wellington deverá ser avaliado no dia a dia por Edgardo Bauza. O prazo para registrar jogadores na primeira fase do Paulistão termina em 26 de fevereiro.

O volante testou positivo para as substâncias proibidas hidroclorotiazida e clorotiazida em três partidas em setembro de 2015. Seu contrato com o São Paulo vale até outubro de 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *