São Paulo, no limite do risco

Os números para o São Paulo no Brasileirão, após a 22º rodada. A analise dos pontos, a matemática dos confrontos e muito mais

Quem não lembra de Oswald de Souza e suas probabilidades? Porém nada disso conta na hora que a bola rola, mas a contabilidade das possibilidades, essa sim tem se tornado o fiel da balança, tanto para classificação como para a degola.

Observando os tais números, chego a seguinte conclusão: somando 49 pontos, o São Paulo estaria matematicamente fora da Série B de 2018.

Leia mais:
+ São Paulo não descarta venda de Rodrigo Caio
+ Enquanto nossa situação é complicada, jogadores têm dois dias de folga

Para escapar de um inédito rebaixamento, o tricolor paulista terá que vencer todos os jogos em casa (lembrando que duas partidas faremos no Pacaembu, devido a shows da banda irlandesa, U2). Desses jogos, teremos o Flamengo, ainda na briga por vaga na Copa Libertadores, dois rivais paulistas e alguns jogos contra times que estão em situações semelhantes a nossa: Bahia e Chapecoense.

Além disso, o São Paulo disputará 24 pontos, fora dos seus domínios, dentre eles; Atlético-GO, que briga diretamente para fugir da zona da degola, Coritiba, Vitória e Vasco, adversários teoricamente possíveis de conquistar pontos fora, “disse teoricamente”, além de Grêmio, Atlético-GO e Fluminense.

Veja também:
+ Pai de Calleri manda recado para a torcida tricolor

Mais do que nunca, a força das arquibancadas lotadas será fundamental, a torcida tem feito e fará o papel que é de apoiar o seu time como tem sido constante nos jogos do tricolor, jogando junto como “o Clube da Fé”, cujo apelido que recebemos do jornalista Thomaz Mazzoni em 1937, onde o clube conseguiu muitos exemplos de superação.

No início do segundo turno do Brasileirão de 2008, o Tricolor estava apenas em 5º lugar, 11 pontos atrás do Grêmio que liderava o campeonato, com apenas 1% de chances de título, “olha a matemática ai de novo”. Veio então uma arrancada histórica e uma invencibilidade no Morumbi que levou o clube ao hexacampeonato nacional. Nas últimas 12 rodadas, o São Paulo acumulou dez vitórias e dois empates.

O São Paulo Futebol Clube conta com inúmeras reviravoltas em sua história e agora terá que se superar mais uma vez para ressurgir novamente no cenário do futebol brasileiro e mundial.

FOTO: Gazeta Press

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *