São Paulo inicia temporada sem reserva para Pablo

Problema que atrapalhou o São Paulo na temporada passada, continua neste início de ano, e Diniz não tem reserva para Pablo

Tricolor não fez investimento nesta temporada com contratações no mercado da bola. Só comprou jogadores que estavam emprestados pelo clube e foram bem na equipe no ano passado. 

Porém, a equipe continua com uma carência importante, que já era cobrada em 2019: a de um reserva para Pablo. Com reposições para todas as outras funções, o clube inicia o ano sem jogador com as mesmas características do camisa 9. 

Pablo chegou ao Tricolor na temporada passada como titular absoluto no ataque Diego Souza como seu reserva, mas logo este foi para o Botafogo e o recém-chegado do Athletico-PR acabou se machucando e desfalcou o time por um longo período. Resultado: baixas na posição e sobrou para Pato, a partir do Brasileiro, ocupar a vaga.

Acontece que o camisa 7 não é um centroavante e prefere jogar como segundo atacante, atuar como referência é apenas um improviso. Pablo, para piorar, se machucou mais duas vezes. Por essas e outras Cuca pediu a contratação de um centroavante e o escolhido para chegar foi Raniel, do Cruzeiro, que não conseguiu se firmar e ainda no fim de 2019 foi negociado com o Santos.

Dessa forma, o Tricolor começa o ano com apenas Pablo como centroavante. É a única posição cujo substituto não tem origem naquela função. Nos treinos desta pré-temporada, Pato tem jogado como a alternativa para o camisa 9 no time reserva e pela movimentação do clube deve ser o escolhido para ficar com essa vaga, pois não deve ir ao mercado.

Foi cogitada a reintegração de Tréllez, que estava emprestado ao Internacional, já que o jogador está muito disposto a ter uma chance nessa vaga aberta no elenco. No entanto, apesar de não descartar aproveitá-lo, o clube prefere realizar um novo empréstimo. O Cruzeiro quase foi o destino do colombiano, que rejeitou a proposta pensando ainda em ter uma nova oportunidade.

No momento as opções para o ataque Diniz têm são: Pablo (centroavante), Pato, Everton,  Toró, Vitor Bueno, Brenner, Danilo Gomes (está sendo avaliado pelo treinador). Lembrando que Antony está na seleção brasileira olímpica. 

LEIA MAIS
+ Jornalista detona Pato ao vivo
+
Apesar de ter 17 jogadores da base, Diniz aposta em veteranos no Tricolor
+ São Paulo está entre os cinco clubes da América do Sul que mais fornece atletas da base
+ São Paulo empresta jogador que disputou a Copinha

Foto: 
Fonte: LANCE!