in , , ,

São Paulo estreia com vitória no Brasileirão sub-17

São Paulo vence o Fluminense por 4 a 3, em Cotia, em jogo válido pela primeira rodada do Grupo B do Campeonato Brasileiro Sub-17

Em uma partida muito movimenta, o Tricolor Paulista venceu o carioca por 4 a 3. Os gols do São Paulo foram marcados por Lucas Bauru (duas vezes), Patryck e Talles. Kayky, Matheus Martins e Daniel marcaram pelo Flu.

Nesta quinta-feira (12), o São Paulo recebeu o Fluminense pela primeira rodada do campeonato brasileiro sub-17 em Cotia e venceu por 4 a 3, mesmo estando na frente duas vezes por dois gols de diferença (2 a 0 e 4 a 2)

A primeira etapa foi muito agitada. O São Paulo abriu o placar aos 8 minutos, após falha de Eduardo, volante do Fluminense, que deu de presente o gol para Lucas Bauru. Quatro minutos depois, Patryck bateu bem a falta na entrada da área e ainda contou com um desvio no meio da caminho para ampliar o marcador.

Depois disso, o Fluminense cresceu. Aos 25, após boa jogada pela esquerda, Kayky recebeu a bola na grande área, dominou e bateu no cantinho do gol. Três minutos depois veio o empate. Matheus Martins recebeu o passe na grande área e também bateu colocado no canto do gol são-paulino.

O jogo ficou muito disputado e corrido, mas não foi assim que começou o segundo tempo.

Até os 20 minutos, cada equipe teve uma chance de perigo. Lucas Felipe teve um gol tirado em cima da linha por Patryck, do São Paulo, enquanto João Adriano teve boa chance de chute na área do Fluminense.

Aos 23, pane na defesa carioca. Bauru recebeu a bola ajeitada na entrada da área para chutar forte e marcar (3-2 SP). Três minutos depois, Talles recebeu na área, ajeitou e bateu colocado para marcar o quarto do São Paulo.

Depois disso, o jogo parecia ter esfriado. Aos 50 minutos, Daniel recebeu o cruzamento na segunda trave para diminuir o jogo para o Fluminense. Placar final: São Paulo 4 x 3 Fluminense.

PRÓXIMA RODADA:

Na próxima quinta-feira (19), às 15h00. O São Paulo vai enfrentar o Vitória, no Barradão,  pela segunda rodada do nacional.

FOTO: Igor Amorim/São Paulo

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara