in ,

São Paulo começa a pagar direitos de imagens atrasados ao elenco

São Paulo começa a pagar direitos de imagens atrasados ao elenco - saopaulofc.net

Desde a última terça-feira, o São Paulo começou a pagar os direitos de imagem atrasados 

O acordo firmado é referente ao ano de 2020, no início da pandemia do novo coronavírus no Brasil, além de outros valores que estavam pendentes. 

Os primeiros jogadores começaram a receber o dinheiro na última terça. Os pagamentos dependem da emissão das notas das empresas dos atletas e vão ocorrer conforme o cumprimento dessa demanda.

Houve um diálogo na sexta-feira com os jogadores sobre esse assunto e o direcionamento sobre como o clube vai quitar os débitos com os atletas. Alguns começaram a receber na terça, outros nesta quarta e assim por diante até o fim da semana, pelo menos.

LEIA MAIS
Federação Paulista e Ministério Público avançam em acordo para retomar Paulistão
São Paulo resgata ídolos em apresentações de novos reforços
Atlético-MG terá que pagar para usar Tchê Tchê contra o São Paulo

O São Paulo vive uma situação financeira preocupante, ainda mais pelos efeitos da pandemia. No clube, o cálculo é de que a paralisação do futebol pela Covid-19 e o Morumbi vazio tiraram R$ 130 milhões de arrecadação dos cofres. Só de ingressos foram R$ 65 mi a menos.

Fora de campo, o clube ainda possui dívidas que podem complicar a situação perante à Fifa e à Justiça a médio prazo. Em relação a Tchê Tchê, emprestado ao Atlético-MG, o São Paulo deve R$ 22 milhões ao Dínamo de Kiev, em caso aberto na entidade máxima do futebol.

A diretoria tricolor também mantém diálogo sobre cláusulas firmadas ainda no empréstimo de Kaká, em 2014. O São Paulo calcula um débito de R$ 6 milhões com o Orlando City, clube que recentemente anunciou o ex-são-paulino Alexandre Pato.

Foto: saopaulofc.net
Fonte: Globoesporte.com

O que achou?

Escrito por Natália Milreu