in ,

São Paulo aposta em Cotia para não precisar gastar com lateral-esquerdo

Wellington voltou aos treinos nesta terça-feira no São Paulo — Foto: Reprodução/Twitter

Após ir com tudo no mercado da bola, Tricolor apostará em Cotia para não investir el lateral-esquerdo; clube entende que Reinaldo precisa de uma sombra

O São Paulo está mais agressivo no mercado da bola do que foi em 2020. Para essa temporada, o Tricolor já anunciou de maneira oficial três reforços: Bruno Rodrigues, Miranda e Orejuela e está prestes a divulgar acertos com William, Benítez e Éder. Adonis Frías, e um volante, talvez Jailson, podem pintar no Morumbi em breve.

Assim a zaga, a lateral-direita, o meio-campo e o ataque receberam ou receberão novos jogadores.

Entretanto, um setor que parece satisfazer a comissão técnica de Hernán Crespo é a lateral-esquerda. Reinaldo, titular absoluto, permanece, apesar de não ser unanimidade entre os torcedores.

Seus reservas, ao que tudo indica, serão os garotos de Cotia. O primeiro deles é Welington, capitão do time Sub-20 do Tricolor e convocado constantemente para a Seleção Brasileira Sub-20, que no fim da última temporada passou a fazer parte do time principal.

A diretoria não pensa em trazer alguém experiente, então quando Welington não puder substituir o camisa 6, Patryck, também formado em Cotia e com convocações para as seleções de base do Brasil, deverá assumir a posição.

São Paulo tem interesse em volante ex-Grêmio
Orejuela e Igor Vinícius são peças moldadas à engrenagem de Crespo

Reinaldo lidera o time em assistências, portanto sua titularidade não está ameaçada. Welington ainda está em fase de testes e adaptação ao time principal, enquanto Patryck e Gabriel Rodrigues só surgem em caso de extrema necessidade, mas nada impede de que eles tenham oportunidades no futuro.

Foto: Reprodução/Twitter

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara