Rogério Ceni faz partida incrível e garante empate na Vila

O M1to brilhou na noite desta quarta-feira na Vila Belmiro e garantiu sua meta intacta e a invencibilidade do Tricolor no Paulistão

O Tricolor continua invicto no Campeonato Paulista e muito disso deve-se ao fato da bela partida do M1to Rogério Ceni. Hoje ele foi decisivo para que o Santos não chegasse ao fim da partida com o resultado positivo. Foram ao menos cinco ótimas defesas do camisa 01 do São Paulo.

O jogo foi muito bom, com muita pegada e ótimas ações ofensivas de ambas equipes, o clássico San-São teve quase de tudo, só faltaram gols. Mas a resposta para a falta de gols é simples: os goleiros tiverem uma noite muito boa, em especial Rogério Ceni.

Aos 42 anos de idade, Ceni fez uma partida, que faz o torcedor Tricolor lembra o jogo contra a Universidad de Chile, pela copa Sul-Americana de 2013, quando Rogério foi incrível.

O lance que mais chamou a atenção de todos, inclusive dos adversários, foi aos 33 minutos do segundo tempo, onde Rogério fez um verdadeiro milagre, daquelas defesas que ficarão imortalizados. Marquinhos Gabriel recebeu de frente para o gol, bateu consciente no canto, mas o camisa 01 esticou o braço, foi buscar e defendeu, no rebote, Renato bateu forte, e o M1TO novamente salvou e evitou o gol santista, garantindo o importante ponto tricolor fora de casa e a invencibilidade do Tricolor na competição estadual.

ASSISTA UM COMPILADO DE DEFESAS DO M1TO NO CLÁSSICO CONTRA O SANTOS:

https://www.youtube.com/watch?v=7iqaPTi8Pfs

+ A próxima partida do Tricolor será no próximo sábado em Bragança Paulista contra o time local as 18h30.

FICHA TÉCNICA – SANTOS 0 X 0 SÃO PAULO

Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data/Hora: 11/2/2015 – 22h
Árbitro: Leandro Bizzio Marinho
Auxiliares: Daniel Paulo Ziolli (SP) e Rafael Tadeu Alves de Souza (SP)
Renda/Público: 8.867 pagantes/ R$ 269.545,00
Cartões Amarelos: David Braz, Robinho e Elano (SAN); Rafael Tolói, Reinaldo e Luís Fabiano (SPO)
SANTOS: Vanderlei; Victor Ferraz, Werley, David Braz e Chiquinho; Alison, Renato e Lucas Lima (Elano); Geuvânio, Robinho (Lucas Crispim) e Ricardo Oliveira (|Marquinhos Gabriel). Técnico: Enderson Moreira.
SÃO PAULO: Rogério Ceni; Bruno, Rafael Toloi, Lucão e Reinaldo; Denilson, Souza, Ganso e Michel Bastos; Ewandro (Pato) e Luis Fabiano. Técnico: Muricy Ramalho.

LEIA MAIS:
> Confira o minuto a  minuto do jogão desta quarta na Vila Belmiro
> Jornalista inglês enaltece o M1to e diz: “Curvem-se para Rogério Ceni”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *