River em dívida com o São Paulo

Clube argentino ainda não pagou pela contratação de Lucas Pratto no início de 2018

Segundo o jornal Clarín, o mais importante da Argentina, os investimentos feitos pelo River na última temporada, em que o clube sagrou-se campeão da Libertadores, trouxe também muitos problemas financeiros.

De acordo com o diário hermano, a crise econômica que a Argentina vem atravessando, complicou o time de Nuñez, já que muitas compras de reforços e acertos salariais foram feitos em dólares.

Para se ter uma noção, o câmbio em 2018 estava: 1 dólar por 19,70 pesos. Hoje em dia, US$ 1 varia entre 38 e 40 pesos.

A venda foi acertada em 11,5 milhões de euros (R$ 44,4 milhões), dos quais o São Paulo tem que receber 8,5 milhões de euros (R$ 32,9 milhões). Como em fevereiro de 2017, o Tricolor comprou Pratto do Atlético-MG por 6,2 milhões de euros (R$ 23,9 milhões), o lucro são-paulino é de 2,3 milhões de euros (aproximadamente R$ 9 milhões).

VALE LEMBRAR QUE, desse montante, o São Paulo tem direito a mais 3 milhões de euros (R$ 11,6 milhões), devido ao título da Libertadores. Havia uma cláusula no contrato que se o jogador ajudasse o time de Buenos Aires a conquistar um título, esse valor seria adicionado à venda.

ACORDA SÃO PAULO. VAMOS EM BUSCA DESSE VALOR. COMPRARAM, AGORA TERÃO DE PAGAR!

LEIA TAMBÉM:
Ingressos – São Paulo x Red Bull Brasil
Por prejuízo na eliminação da Libertadores, São Paulo desiste de Pato
Desempenho do São Paulo em 2019 é o pior dos 20 clubes da série A

FOTO: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *