in

Rigoni custou R$ 22,6 milhões ao São Paulo

Rigoni. (Foto: Divulgação)

Contratação de Emiliano Rigoni custou R$ 22,6 milhões aos cofres do São Paulo

A contratação de Emiliano Rigoni custou R$ 22,6 milhões aos cofres do São Paulo. É o que mostra o balanço financeiro divulgado pelo clube nesta quarta-feira.

As cifras fazem do argentino um dos reforços mais caros da história do clube. Pablo, que ocupa a primeira colocação no quesito, custou R$ 26,5 milhões na cotação de 2018, ano da contratação.

Rigoni teve seus direitos econômicos comprados junto ao Elche, da Espanha, no meio de 2021 – o vínculo é de três anos com possível prorrogação de mais um. O jogador foi um pedido do técnico Hernán Crespo, que dirigia a equipe naquele momento.

Na temporada passada, o jogador viveu um grande momento com a camisa do São Paulo, sendo um dos principais nomes do elenco. Em 38 jogos, ele marcou 11 gols e deu seis assistências.

Após a chegada de Rogério Ceni, porém, Rigoni caiu de produção e não tem conseguido apresentar o mesmo futebol. Ele, inclusive, se tornou reserva nessa temporada mesmo com inúmeras oportunidades.

Por conta do alto investimento feito no atleta, o Tricolor aposta que Rigoni dará uma reviravolta ainda nesta temporada. O argentino é visto como um jogador bom de grupo e dedicado no dia a dia.

Em 2022, ele entrou em campo 17 vezes e marcou dois gols. Ele ainda contabiliza duas assistências.

Foto: Divulgação
Fonte: Globoesporte.com

O que achou?

Escrito por Natália Milreu