in ,

Premiação do Brasileirão deve ter mudanças

Equipes da série A se entendem e a premiação dos clubes pode ser alterada. Campeão deverá receber pouco mais de 31 milhões de reais

Os representantes dos clubes que disputarão a série “A” em 2020 se reuniram nesta semana, na sede da CBF, no Rio de Janeiro. Uma das pautas da reunião foi à divisão da premiação do Campeonato Brasileiro.

As grandes mudanças estão na quantidade de clubes e nos valores. No ano passado, a premiação só era destinada do 1° ao 16°, os rebaixados no campeonato passado não receberam nenhuma quantia. Com isso o campeão receberá um valor menor, em relação ao valor que foi destinado na edição anterior.

LEIA MAIS
+ Tricolor cria muito e marca pouco
+ Bruno Alves: “O time tem que frio, maduro”

Nesta temporada, caso seja aprovada, todas as equipes devem receber uma quantia da premiação.

“Foi proposto uma nova tabela, que começa com R$ 4,6 milhões para o último colocado e termina com R$ 31 milhões para o campeão. Houve a aceitação de forma unânime pelos presentes na reunião. Agora é colher a assinatura desses clubes presentes e ver se esses quatro ou cinco que estavam aqui aceitam essa proposta. Pelo que entendemos de reuniões anteriores não há objeção de nenhum clube”, disse Alexandre Campello, presidente do Vasco e da comissão.

VEJA A POSSÍVEL NOVA PREMIAÇÃO DO BRASILEIRÃO:

1º – R$ 31,7 milhões

2º – R$ 30,1 milhões

3º – R$ 28,4 milhões

4º – R$ 26,8 milhões

5º – R$ 25,1 milhões

6º – R$ 23,5 milhões

7º – R$ 21,8 milhões

8º – R$ 20,2 milhões

9º – R$ 18,5 milhões

10º – R$ 16,9 milhões

11º – R$ 12,9 milhões

12º – R$ 11,9 milhões

13º – R$ 10,9 milhões

14º – R$ 10,6 milhões

15º – R$ 10,3 milhões

16º – R$ 9,9 milhões

17º – R$ 5,5 milhões

18º – R$ 5,1 milhões

19º – R$ 4,8 milhões

20º – R$ 4,6 milhões

Fonte: torcedores.com
Foto: Globo Esporte

O que achou?

Escrito por Edywan Silvestre

Professor de Geografia e Graduando em Relações Públicas.
Apaixonado pelo São Paulo.