in ,

Prefeitura arquiva processo cancelamento de concessão da área do CT da Barra Funda

Prefeitura arquiva processo cancelamento de concessão da área do CT da Barra Funda - Foto: Divulgação

O São Paulo conseguiu o arquivamento do processo de cancelamento da concessão do terreno em que funciona o CT da Barra Funda

Em troca, o clube terá que construir duas creches para até 160 crianças cada em áreas a serem definidas pelo município. 

O despacho determinando o arquivamento do procedimento para a rescisão da concessão foi assinado pelo prefeito Bruno Covas nesta semana. 

A concessão terminará em 2022 e foi alvo do pedido de cancelamento porque o município entendeu que o clube não havia cumprido as contrapartidas previstas. 

LEIA MAIS
Julio Casares recebe cúpula do Grupo Bandeirantes no Morumbi
São Paulo atropela Franca pelo NBB
Comitê do São Paulo terá ex-jogadores e conselheiros

Entre outras obrigações, o clube teria que abrir as portas do centro de treinamento para crianças carentes realizarem atividades. 

O departamento jurídico tricolor alegou que o município não conseguiu executar essas ações, assim o clube não teve como entregar as contrapartidas. 

Agora falta a Secretaria Municipal de Educação definir onde serão construídas as creches. Os terrenos serão da prefeitura, que arcará com as despesas de manutenção dos locais. O São Paulo bancará as obras.

Já há um decreto que prevê uma nova concessão por vinte anos com prorrogação pelo mesmo período. Porém, falta discutir as novas contrapartidas.

Foto: Divulgação
Fonte: UOL Esporte

O que achou?

Escrito por Natália Milreu