in ,

Perto da renovação!

O atual vínculo de Paulinho Boia com o São Paulo terminaria no fim desta temporada, mas agora, com o acordo encaminhado, o atacante revelado em Cotia terá mais dois anos de contrato. O novo acordo de Paulinho Bóia com o São Paulo deverá ser assinado nesta semana até o fim de 2022.

O jogador foi reintegrado durante a pré-temporada, em Cotia, e recebeu elogios pelo desempenho nos treinos comandados pelo técnico Fernando Diniz. 

“Começou pelo Alexandre (Pássaro, gerente do São Paulo). Sempre disse que acreditava muito no potencial do Paulinho e que se tivesse chance de ser observado iria agregar muito e dar retorno. Claro, depois foi o trabalho dele e do Fernando Diniz. Foi o que aconteceu. Ele voltou para a pré-temporada em Cotia depois da parada e iria depender dele. Teve oportunidade e mostrou trabalho”, disse Luciano Couto, empresário do jogador.

+ Doriva já havia avisado: “O São Paulo pode se surpreender com Paulinho Boia”

Justamente por esse bom desempenho Pauinho Bóia foi usado por Fernando Diniz nos dois jogos da volta do Paulistão: derrota por 3 a 2 para o Bragantino, no Morumbi, e vitória por 3 a 1 sobre o Guarani, na Vila Belmiro. Neste segundo jogo ele fez um golaço. ASSISTA AQUI!

“Fiquei meio sem reação porque quinta-feira eu meio que entrei no jogo e tive uma jogada parecida, que eu poderia ter chapado melhor ali e não saiu do jeito certo. Hoje (domingo) saiu. Tinha conversado com minha mãe e minha namorada, que quinta-feira foi aniversário da minha mãe e eu estava devendo um presente para ela. E ela não sabia o que era. Eu falei que estava vindo. Tem que ser confiante, mentalizar toda hora o gol. Tem que estar na mente: “gol, gol, gol”, contou Bóia, após o jogo de domingo.

Paulinho podia assinar pré-contrato com outros clubes a partir deste mês de julho, mas priorizou a permanência no São Paulo. O atacante chegou a treinar separado e teve uma transferência por empréstimo ao Cruz Azul, do México, travada nos exames médicos.

“Não tem como o grupo ter 40 ou 50 jogadores. No caso do Paulinho, especificamente, entendemos isso. Por isso teve a situação do Cruz Azul e de outros clubes. Clubes nos procuraram interessados em um pré-contrato, mas confiamos um no outro (Pássaro). Combinamos de deixar ele no grupo, ir para Cotia, e aí ele e o Diniz iriam ver. Então primeiramente quero agradecer o Alexandre”, afirmou o agente do jogador.

Paulinho Bóia tem 22 anos e fez seu primeiro gol pelo São Paulo contra o Guarani. No total ele fez nove partidas pelo Tricolor. Ele teve passagens por empréstimo no Portimonense, de Portugal, e no São Bento.

Fonte: ge
Foto: Divulgação

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara