in , ,

O São Paulo nos Jogos Olímpicos

Melânia Luz: a primeira mulher negra a disputar os Jogos Olímpicos pelo Brasil. (Foto: Arquivo Histórico do São Paulo FC)

Com atletas participando dos Jogos Olímpicos desde 1948, o Tricolor tem nove medalhas, sendo oito delas, desde 1996 de forma consecutiva

Nossa primeira medalha olímpica veio em 1952, com Adhemar Ferreira da Silva. Após 44 anos, em 1996, André Luiz conquistou nossa segunda medalha.

Se lá pra cá, o Tricolor não passou em branco em nenhuma edição de Jogos Olímpicos.

Veja abaixo:

  • 1948: Melânia Luz e Adhemar Ferreira da Silva (atletismo); Ralph Zumbano e Vicente Antônio dos Santos (boxe);
  • 1952: Adhemar Ferreira da Silva (MEDALHISTA), Wanda dos Santos e Dietrich Gerner/técnico (atletismo), Pedro Galasso, Lucio Grottone e Aristides Jofre/técnico (boxe);
  • 1956: Éder Jofre e Aristides Jofre/técnico (boxe);
  • 1960: Roberto Dias, Jonas e Vicente Feola/técnico (futebol); Wanda dos Santos (atletismo); Jorge Sacoman e Aristides Jofre/técnico (boxe);
  • 1964: Zé Roberto e Vicente Feola/técnico (futebol);
  • 1968: Cláudio Deodato, Toninho II (futebol);
  • 1976: Tecão (futebol);
  • 1984: José João da Silva (atletismo);
  • 1988: Nelsinho e Bernardo/jogadores cortados (futebol), Diamantino Silveira dos Santos (atletismo);
  • 1992: Luis de Freitas, Rogério de Brito Dezorzi, Adilson Rosa da Silva e Lucas França, Antônio Carollo/técnico (boxe);
  • 1996: André Luiz (futebol) (MEDALHISTA); Zely Ferreira dos Santos, Jorge Luiz de Melo Silva e Rogério Brito Dezorzi (boxe); Edelmar Zanol (judô);
  • 2000: Álvaro, Fábio Aurélio, Fabiano, Edu e Maldonado (futebol masculino) (MEDALHISTA); Simone Jatobá, Juliana Cabral, Tânia Maranhão, Mônica de Paula, Rosana, Formiga, Kátia Cilene, Raquel e José Duarte/técnico (futebol feminino);
  • 2004: Leandro Guilheiro (MEDALHISTA) e Danielle Zangrando (judô), Washington Silva, Alessandro Matos, Edvaldo Gonzaga, Myke Carvalho e Glaucélio Abreu (boxe), Aline Waleska e Lucila Viana (handebol); Leila Sobral (basquete); Antônio Tenório (judô paraolímpico);
  • 2008: Alex Silva (MEDALHISTA) e Hernanes (futebol) (MEDALHISTA); Robson Conceição, Everton Lopes, Myke Carvalho e Washington Silva (boxe);
  • 2012: Lucas (MEDALHISTA) e Bruno Uvini (futebol) (MEDALHISTA); Maurren Maggi (atletismo);
  • 2016: Calleri e Rodrigo Caio (futebol) (MEDALHISTA), Marco Aurélio Cunha/conselheiro (coordenador de futebol feminino) e Yeltsin Jacques/funcionário e integrante do projeto Kiatleta (atletismo paraolímpico).
  • 2020: Formiga e Duda (Futebol feminino), Paulo Roberto de Paula (maratona) e Daniel Alves (MEDALHISTA), futebol masculino.

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara