in ,

Neto diz que São Paulo é muito para Diniz e detona Raí

Apresentador do programa ‘Os Donos da Bola’, da Band, afirmou que dirigente são-paulino é ídolo como jogador, mas fraco como dirigente

A derrota do São Paulo para o Vasco, no domingo (16) tirou todo torcedor são-paulino do sério e também gerou a bronca de Neto, atual apresentador e ex-jogador do Tricolor Paulista.

Durante o programa Os Donos da Bola desta segunda, o apresentador detonou o técnico Fernando Diniz e o diretor-executivo Raí ao comentar o resultado da partida em São Januário, pelo Brasileirão.

Para Neto, o Tricolor é muito grande para Diniz, criticado também por não colocar Alexandre Pato para jogar.

“O São Paulo é muito para o Fernando Diniz. Não dá mais para entender o Pato na reserva. Entram 250 jogadores, e o Pato com 900 paus (de salário) por mês fica no Tik Tok [rede social], na cada do caramba”, esbravejou Neto.

“Diniz falou que ele era genial, no Jogo Aberto. É a sexta opção”, completou o apresentador sobre Pato, que não entrou na partida contra o Vasco.

“Se você pegar no Campeonato Brasileiro, no Fluminense, no Atlético Paranaense e no São Paulo, ele teve 30 derrotas. Um cara com 30 derrotas não pode dirigir um clube como o São Paulo. A crise está instaurada”, disparou.

LEIA TAMBÉM: 
+ São Paulo não descarta negociar Alexandre Pato 
+ Diário Olé comenta derrota são-paulina
+ Mais uma bola fora do São Paulo

Sobre Raí, Neto criticou a explicação dada pelo dirigente para a derrota e disse que, como cartola, o ex-jogador é fraco.

“Aí vem o Raí, um dos maiores ídolos da história, não sabe nada de bola, não é coordenador, não entende a força do São Paulo fora do campo. Como jogador, é ídolo, monstro, no mesmo nível de Rogério Ceni, Romário, Messi, Cristiano Ronaldo, mas como dirigente você é fraco. Dizer que o São Paulo teve volume de jogo… Volume é no rádio, de grana que o Pato está tendo no São Paulo”, detonou.

Assista:

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara