in

Mudanças (para melhor) no futebol podem acontecer

A CBF mandou um pedido à FIFA, a fim de mudar a qualidade da arbitragem no futebol brasileiro

O uso de câmeras para auxiliar a arbitragem pode ser a grande novidade para o Campeonato Brasileiro de 2016, segunda o CBF. A entidade fez um pedido à entidade maior do futebol, a FIFA e aguarda a liberação deles para fazer o comunicado oficial.

Vale lembrar que a FIFA já autorizou outros testes no Brasil, como o uso do spray para marcar a posição da barreira nas cobranças de falta e a presença de auxiliares extras, na linha de fundo.

Com a “nova” medida, seria criado um novo cargo: o árbitro de vídeo. Ele seria o responsável por analisar seis tipos de jogadas:

>
Dúvida se a bola entrou no gol ou não;
> Se a bola saiu pela linha de fundo ou não;
> Se uma falta aconteceu dentro ou fora da área;
> Anulação de gols e de pênaltis por faltas claras e indiscutíveis;
> Impedimentos por interferência;
> Jogo brusco ou agressão física.

O presidente da CBF, Marco Polo Del Nero opinou sobre esse possível avanço no futebol nacional.

– Sabemos que é impossível a seres humanos atingir o índice de erro zero na arbitragem. Por isso, considerando a solicitação dos clubes, a CBF pleiteará junto à Fifa a aprovação do uso de imagens da TV para auxiliar os árbitros. Queremos que o Brasil tome a liderança no processo de introdução da tecnologia no futebol e que sirva de referência para outros campeonatos no mundo – afirmou del Nero.

O presidente da Comissão de Arbitragem da CBF, Sergio Corrêa, afirma que o uso da tecnologia não irá acabar com todas as dúvidas durante uma partida. No entanto, espera evitar que erros de avaliação prejudiquem diretamente o resultado em campo.

– É importante dizer que a tecnologia não evitará todos os equívocos de arbitragem, pois a atuação do árbitro de vídeo somente se dará para evitar erros claros, indiscutíveis e que tenham influência no resultado da partida. A comissão está muito satisfeita em participar deste processo de evolução da arbitragem – afirmou Corrêa.

VEJA UM LANCE ABSURDO DE UM PÊNALTI NÃO MARCADO

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0