Miranda se diverte ao lembrar reencontro com Aloísio Chulapa após troca de socos em Atletiba

O zagueiro Miranda e o atacante Aloísio Chulapa foram companheiros no tricampeonato brasileiro consecutivo no São Paulo, de 2006 a 2008. O que pouca gente sabe é que, no passado, a relação foi bem diferente. Em um clássico Atletiba, os dois chegaram a trocar socos, Miranda pelo Coritiba, Chulapa pelo Athletico.

Miranda, atualmente no Jiangsu Suning, da China, se divertiu ao lembrar do caso no programa Boleiragem, com apresentação de Roger Flores, que também teve Petkovic e Danilo Avelar como convidados.

“O primeiro jogo a gente ganhou de 1 a 0. Eu, nessa disputa que tem pelo alto, acertei uma cotovelada no Chulapa. Ele saiu do jogo, porque ficou passando mal. No segundo jogo, na Arena, acho que ele ficou com aquilo na cabeça, já veio e me deu um soco. A gente se embolou no soco. Foram os dois expulsos. Depois disso, a gente foi suspenso. Eu era novo, não tinha a cabeça que tenho hoje. Fomos suspensos por alguns jogos”, lembrou e seguiu.

“Aí fui pra França. No que retornei pro São Paulo, primeiro dia, encontro o Chulapa. Ele: “A gente tem uma pendência pra resolver”. E eu: “Meu Deus, o Chulapa é grande pra caramba”. Já pensei que cheguei errado no São Paulo, já vou chegar brigando de novo. Ele disse: “Não, não, agora a gente é amigo, acabou, passou, ficou dentro de campo. Ele foi um cara que me recebeu muito bem, me deu muita moral na minha chegada.

No programa, Miranda também contou como foi a experiência com Diego Simeone de técnico, lembrou de um pênalti cavado a favor do São Paulo contra o Flamengo de Petkovic e lembrou o começo de carreira no Coritiba.

Fonte: SporTV.com
Foto