in ,

Lugano não acreditava que o São Paulo poderia ser campeão com Diniz

Lugano não acreditava que o São Paulo poderia ser campeão com Diniz - Felipe Ruiz

Em entrevista para o Globoesporte.com, Lugano revelou que acreditava que o São Paulo poderia ser campeão com o estilo de futebol praticado pelo ex-técnico Fernando Diniz

O relato do uruguaio é de sequer ter sido consultado na época da contratação, em setembro de 2019, e saber da notícia por meio de um conselheiro, enquanto inaugurava um camarote no estádio do Morumbi.

Então diretor de relações institucionais, Lugano diz ter falado ao antigo treinador e ao ex-diretor executivo de futebol Raí dessa discordância de visão de futebol. Ele entendia que o melhor seria uma troca no comando do time.

O ídolo do Tricolor ainda revelou que não participou da contratação do antigo treinador. 

“Estava no Morumbi inaugurando um camarote, fazendo minha função institucional. Nesses espaços que são muito bons. Soube por um conselheiro na época que estava inaugurando e me disse que Diniz foi contratado,” falou. 

LEIA MAIS
Galeano deve ganhar mais chances com Crespo
São Paulo inscreve Luan no Paulistão
São Paulo não paga nada ao vôlei e Zé Roberto está bancando o projeto do próprio bolso

“À medida que o tempo encurtava e a urgência de ganhar era maior, na minha maneira de ver não achava como a gente ser consistente em jogos importantes de mata-mata ou decisivos com aquela forma de jogar. Não achava, sinceramente. Foi o que tentei fazer a direção entender, que tinha de mudar a forma de jogar para tentar aproveitar esse elenco para obter títulos ainda nesse ano antes de sair. Simplesmente isso, com todo respeito ao treinador e a tomada de decisão. São formas de ver futebol e era minha obrigação por estar lá falar o que achava e pensava“,  disse

E completou: “Em algum momento com muito respeito conversei (com Diniz). Entendia que meu vínculo era o Raí, mas um pouco por lealdade, por ser honesto, conversei com ele sobre isso. Que era hora de mudar o estilo de jogar. Só isso. Não houve briga, nem discussão. Pontos de vista de futebol diferentes. Não da maneira de sentir. Ele disse que entendia que daquela maneira iria ganhar. Eu entendia que daquele jeito não via como ganhar. Simplesmente isso.” 

Foto: Felipe Ruiz
Fonte: Globoesporte.com

O que achou?

Escrito por Natália Milreu