in ,

Lucão se pronuncia após ação na justiça contra o São Paulo

Zagueiro usou as redes sociais para explicar o motivo de cobrar na justiça R$ 1 milhão do São Paulo por danos morais 

O zagueiro Lucão, hoje no Goiás, divulgou uma nota oficial na noite desta quarta-feira sobre a ação trabalhista que move contra o São Paulo.

O jogador cobra mais de R$ 5 milhões, sendo R$ 1 milhão como indenização por danos morais.

No texto, Lucão se diz grato à instituição e salienta que não quer ser indenizado por danos morais devido a humilhações causadas por torcedores. Segundo ele, havia uma perseguição por parte da diretoria, especificamente o presidente Leco.

“Depois de um certo tempo na equipe principal, sofri perseguições que vinham diretamente da presidência, a partir do momento em que não aceitei algumas negociações. Nunca tive problemas com treinadores e companheiros de equipe. Fui obrigado a treinar separado por algum tempo. Fiquei sem receber durante oito meses, e fui obrigado a reduzir mais da metade do meu salário, quando emprestado, para que aceitassem a proposta de empréstimo ao futebol português”, diz o atleta.

Segundo o LANCE!, Lucão realmente ficou oito meses sem receber salários do São Paulo, entre julho de 2018 e fevereiro de 2019, tempo em que ele se recuperava de uma lesão no joelho esquerdo sofrida durante o empréstimo ao Estoril (POR). 

Por contrato, o clube português seria o responsável pelo tratamento e pelos vencimentos do atleta em caso de lesão, mas ele preferiu retornar ao Brasil para ser atendido por médicos do Tricolor e acabou fazendo uma cirurgia que inicialmente não estava nos planos. A recuperação, que demoraria dois meses, acabou durando muito mais. O Estoril arcou apenas com dois meses de salários neste período.

https://www.instagram.com/p/CB1T4B_n0N8/

Foto: Divulgação
Fonte: LANCE!

O que achou?

Escrito por Natália Milreu