in ,

Leco não cogita demitir Raí, nem Diniz

São Paulo consegue desbloquear suas contas na Justiça - Fernando Dantas/Gazeta Press

Com a eliminação do Campeonato Paulista para o Mirassol, a pressão sobre o presidente do São Paulo, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco aumentou e muito

Próximo do encerramento de seu mandato, Leco está sendo muito pressionado por mudanças no departamento de futebol. Membros dos conselhos Deliberativo e de Administração demonstraram todo seu descontentamento com o trabalho que vem sendo realizado principalmente pelo técnico Fernando Diniz e pelo diretor-executivo Raí.

Diante da situação, Leco já se posicionou nos bastidores e definiu o futuro do ex-jogador e ídolo tricolor. Na manhã desta sexta-feira (31), a coluna “De Primeira”, do site UOL Esporte, revelou que o presidente não pretende demitir o dirigente. Desde dezembro do ano passado, quando teve seu contrato renovado por mais uma temporada, Raí é alvo de críticas.

O ex-jogador assumiu um cargo na diretoria de futebol em dezembro de 2017 e está em sua terceira temporada no São Paulo. Ao lado de Alexandre Pássaro, ele é o responsável por buscar reforços no mercado da bola. O gerente executivo, inclusive, é mais um nome que conselheiros querem ver fora do clube

Fonte: Blog de primeira
Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara