Kelvin agradece Patón pela titularidade e elogia Calleri

Depois de vencer o River Plate no Morumbi, o São Paulo ficou mais perto da vaga nas oitavas de final da Libertadores e Kelvin, quer seguir entre os titulares

Titular na partida diante do Trujillanos e do River Plate, Kelvin agradeceu ao treinador Edgardo bauza pela chance que vem tendo no time titular.

“Me sinto bem dentro de campo e agradeço ao Bauza pelas oportunidades”, disse o jogador que completou falando sobre a vitória da última quarta. “Uma vitória que nos traz confiança. O torcedor pode confiar nesse elenco”, analisou.

 

+ Emprestado pelo Porto até dezembro de 2016, o jogador já começa a pensar em permanecer por mais tempo no São Paulo.

O atacante atravessa seu melhor momento na temporada, por isso ganhou a vaga de titular no time de Bauza e consequentemente caiu nas graças da torcida tricolor.

“Eu vim para o São Paulo querendo ficar, vim para me firmar no São Paulo. O que vai acontecer futuramente não sei, estou me adaptando muito bem e espero que o ano corra bem, tanto para mim quanto para o São Paulo. Estou bem no momento e não penso ainda no futuro”, disse o jogador.

Além de agradecer Bauza pela oportunidade, Kelvin elogiou outro argentino, o atacante Jonathan Calleri.

+ Calleri entra no TOP-10 goleadores do SPFC em Libertadores

Para Kelvin, a “raça argentina” de Calleri e seu estilo brigador levaram o elenco do São Paulo a se dedicar com mais afinco à marcação.

“Não é porque o Calleri é atacante que ele não deixa de ter raça e ajudar na marcação. Vemos que ele tromba com os zagueiros e isso nos anima no jogo, pois queremos marcar também. Ele nos dá motivação para marcar, porque ajuda tanto na parte ofensiva quanto na defensiva”.

O atleta disse que o companheiro de ataque se adaptou bem ao futebol brasileiro.

“Calleri é um jogador tranquilo. Ele conversa com todo mundo fora de campo e está se adaptando. Tudo isso ajuda para o crescimento dele. Creio que está crescendo na vida também”.

Os dois podem estar em campo novamente no próximo domingo, quando o tricolor visita o Audax pelas quartas de final do campeonato paulista, as 18h30 em Osasco, grande São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *