in ,

Índice de gols tomados é baixo com Bruno Alves e Arboleda titulares

Dupla titular do sistema defensivo do Tricolor tem um grande rendimento junta; em 2020, eles estão ainda estão invictos

A melhor defesa do Brasileirão de 2019 continua muito bem neste começo de temporada. Em nove rodadas do Paulistão, o São Paulo só sofreu seis gols e está apenas atrás apenas de Palmeiras e Novorizontino, vazados quatro vezes cada um. O desempenho de Arboleda e Bruno Alves é prova dessa solidez.

Bruno Alves e Arboleda, contratados em 2017, já jogaram juntos 69 vezes com a camisa do São Paulo. Em 29 dessas partidas (43,28%), a equipe não sofreu gols. Foram 27 vitórias, 24 empates e 16 derrotas até aqui (52,23% de aproveitamento).

Com Fernando Diniz no comando, o índice de jogos da dupla sem sofrer gols é maior ainda: dez em 21 possíveis (47,62%). São dez vitórias, seis empates e cinco derrotas dos dois juntos com o atual treinador (57,14% de aproveitamento).

Em 2020, eles tem apenas uma derrota, foi na estreia da Libertadores. As outras duas derrotas do time, ambas pelo Paulistão, a dupla não esteve em campo. No revés para o Santo André, Bruno Alves ficou fora devido a uma torção no tornozelo direito e Anderson Martins fez dupla com Arboleda. Já na derrota para o Botafogo, nenhum dos dois entrou em campo.

Com a dupla titular em campo, o Tricolor foi vazado quatro vezes em sete partidas (um gol da Ferroviária, outro do Novorizontino e dois d Binacional) e passou quatro delas ileso (Água Santa, Palmeiras, Corinthians e Oeste).

Dos 69 jogos da dupla, os dois começaram como titulares em 65. Bruno Alves saiu do banco para se juntar a Arboleda duas vezes (triunfo por 2 a 1 sobre o Vitória, no Brasileirão de 2017, e empate sem gols com o Rosario Central, na Sul-Americana de 2018). Arboleda também saiu do banco duas vezes para se juntar a Bruno (vitória por 1 a 0 sobre o Rosario, na Sul-Americana de 2018, e empate sem gols com o Palmeiras, no Paulistão de 2019).

Foto: Rubens Chiri
Fonte: LANCE!

O que achou?

Escrito por Natália Milreu