in ,

Governo de São Paulo proíbe retorno de público aos estádios

Nesta terça-feira, o Ministério da Saúde aprovou a volta de 30% do público nos estádios de todo o Brasil; porém nesta quarta-feira, o governador vetou a retomada 

O Ministério da Saúde, nesta terça-feira, aprovou um estudo da CBF – Confederação Brasileira de Futebol para à volta de 30% do público aos estádios para os jogos do Brasileirão.

Porém, o governador João Doria, em entrevista coletiva nesta quarta-feira, no Palácio dos Bandeirantes, vetou o retorno do público aos estádios. Segundo o político, a proposta foi analisada pelo órgão do governo estadual, o Centro de Contingência contra o coronavírus, e foi concluído que ainda não é possível voltar com os eventos que provoquem grandes aglomerações. 

“Nós fizemos uma reunião com o comitê de contingencia ontem e o comitê concluiu que o cenário atual da pandemia no Estado de SP não permite a retomada de público em eventos associados a grandes aglomerações como as partidas de futebol de qualquer categoria”, afirmou José Medina, Coordenador do Centro de Contingência. 

LEIA MAIS:
+ Muricy defende permanência de Diniz
+ Além de rezar, o que fazer para passar de fase? 
+ Neto ironiza “falta” de Daniel Alves no Equador

Os 645 municípios paulistas estão na fase amarela do Plano São Paulo, e uma eventual liberação do público aos estádios neste momento iria contra as regras sanitárias estaduais.

Pelo plano estadual, eventos que tendem a ter grandes aglomerações, como partidas de futebol e shows, só devem ser autorizados para retornar quando estiverem na etapa azul, a última fase no combate à pandemia. 

Foto: Miguel Schincariol 
Fonte: Globoesporte.com

O que achou?

Escrito por Natália Milreu