in ,

Gols marcados no fim das partidas já garantiram 16 pontos ao São Paulo nesta temporada

Calleri fez golaço de bicicleta (Foto: Rubens Chiri/Saopaulofc.net)

Tricolor venceu cinco jogos e empatou um com gols após os 40 minutos do segundo tempo

O gol de Reinaldo no fim do jogo contra o Juventude, na última quarta-feira, pela Copa do Brasil, evitou a derrota do São Paulo em Caxias do Sul, na partida de ida da terceira fase da competição. E não foi uma exceção nessa temporada tricolor.

Gols marcados após os 40 minutos do segundo tempo já garantiram 16 pontos ao time de Rogério Ceni em 2022 – além do empate com o Juventude, deram quatro vitórias no Paulistão e uma na Copa Sul-Americana.

Após começar o Paulista com duas derrotas e um empate, o São Paulo só conseguiu furar a retranca do Santo André, no Morumbi, com um gol de Marquinhos aos 46 minutos da etapa final, a primeira vitória tricolor na temporada.

A situação se repetiu na rodada seguinte, contra a Ponte Preta, em Campinas. Nesse dia, a virada foi construída com dois gols após os 40 minutos do segundo tempo.

A Ponte Preta saiu na frente no primeiro tempo com um gol de Lucca. Gabriel Sara empatou aos 42 minutos e, aos 48, Calleri aproveitou um erro da zaga rival para desempatar.

O atacante argentino foi personagem também contra o Água Santa, quando fez o segundo gol do São Paulo na vitória por 2 a 1, em Diadema, aos 45 minutos do segundo tempo – de bicicleta.

No Paulista, um gol no fim da partida também evitou o empate com o Botafogo, em casa, na última rodada da fase de classificação. Luciano marcou aos 40 minutos.

O atacante repetiu a dose na estreia do São Paulo na Sul-Americana, contra o Ayacucho, no Peru. Aos 43 minutos, Luciano fez de pênalti e garantiu o 3 a 2 no placar.

Depois de empatar com o Juventude, o São Paulo agora volta atenções para o Brasileiro novamente.

No sábado, vai a Bragança enfrentar o Red Bull Bragantino, às 16h30. A equipe de Ceni tem uma vitória e uma derrota na competição.

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara