in ,

FPF apoia times de São Paulo para retorno do público em conjunto

Federação Paulista de Futebol apoia decisão de clubes paulistas de só tem volta do público aos estádios quando todos os estados forem liberados  

O Ministério da Saúde aprovou um estudo da CBF para a volta de 30% do público nos estádios. Porém, há um grande problema para essa volta acontecer, há estados que ainda estão com grandes casos de coronavírus, e portanto não permitirão o retorno de torcida. 

O governo de São Paulo mesmo, foi contra a decisão da CBF, segundo o governador João Doria, a proposta foi analisada pelo órgão do governo estadual, o Centro de Contingência contra o coronavírus, e foi concluído que ainda não é possível voltar com os eventos que provoquem grandes aglomerações. 

LEIA MAIS
+ Opinião: Leco odeia o São Paulo
+ Inter x São Paulo: Onde assistir o jogo deste sábado

A FPF apoiou a decisão dos times de São Paulo em só permitir o retorno de torcida quando todos os estados estiver liberados para tal feito. 

Em nota, a entidade expressou a sua decisão: 

“A respeito do retorno de torcedores nos estádios, a Federação Paulista de Futebol vem a público manifestar sua posição:

1- Desde o início da pandemia, a FPF e os clubes de São Paulo sempre agiram priorizando a saúde da população e de todos os profissionais envolvidos na realização das partidas;

2- A retomada de todas competições organizadas pela FPF foi construída em conjunto pela área médica dos clubes, da FPF e pelo Centro de Contingência do Governo do Estado de São Paulo, seguindo rigorosos protocolos de saúde;

3- A FPF entende que o retorno do público aos jogos deve seguir o mesmo processo e depende do aval das autoridades públicas estaduais e municipais, conforme diz o Ministério da Saúde;

4- Quando houver essa autorização, a FPF defende que, por uma questão de equilíbrio técnico e isonomia, somente seja permitido público nos estádios caso haja uniformidade de decisões por parte dos Estados que tenham equipes envolvidas na competição;

5- A FPF reafirma que prioriza a saúde pública antes de qualquer outro assunto e, assim, nenhuma competição em andamento organizada por esta entidade terá público nos estádios;”

Foto: Twitter SPFC
Fonte: 90 minutos 

O que achou?

Escrito por Natália Milreu