in ,

Federação Paulista ameaça punir jogadores e dirigentes ‘baladeiros’

Reinaldo Carneiro Bastos. (Foto: Divulgação FPF)

Jogadores, dirigentes e integrantes das comissões técnicas dos clubes que disputam o Paulistão podem ser punidos por comportamento social inadequado

A Federação Paulista de Futebol (FPF) pode punir jogadores, dirigentes e integrantes das comissões técnicas dos clubes que disputam o Campeonato Paulista por comportamento social inadequado, ou seja, quem infringir o protocolo de controle do novo coronavírus da competição estará passível a essa punição.

A proposta da Federação de endurecimento das regras vem em meio à paralisação do torneio após decreto que proíbe a realização de partidas no estado até 30 de março e ainda será levada para discussão entre os clubes, mas já enfrenta resistência do TJD (Tribunal de Justiça Desportiva).

A quinta rodada do Paulistão, que deveria ser realizada neste sábado e domingo, teve os seus jogos suspensos porque a federação não conseguiu levar as partidas para outro Estado e a opção de entrar na Justiça com mandado de segurança para continuar com a competição foi descartada.

Federação Paulista de Futebol suspende Paulistão por três rodadas

“Temos um protocolo extremamente rigoroso, mas sempre existe quem, fora do ambiente de trabalho, descumpra as regras sanitárias. Por isso, estamos estudando a possibilidade de punição dos profissionais que não seguirem essas normas que são cruciais para a saúde de todos. É um trabalho que começamos a fazer e queremos discutir com os clubes como poderá ser implementado”, disse ao Estadão o presidente da federação, Reinaldo Carneiro Bastos.

Foto: Divulgação FPF
Fonte: Estadão Conteúdo

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara