in ,

Ex-técnico são-paulino entre os carrascos de brasileiros na Libertadores

Taça da Copa Libertadores. (Foto: Divulgação)

Edgardo Bauza, que treinou o Tricolor em 2016 e chegou até as semifinais da Libertadores, está entre os treinadores carrascos de brasileiros da competição

Veja abaixo 5 técnicos que são verdadeiros carrascos de times brasileiros na Libertadores:

Reinaldo Rueda
O técnico colombiano, que depois treinou o Flamengo, era o comandante do Atlético Nacional na vitória por 4 a 1, no agregado, sobre o São Paulo na semifinal da Libertadores de 2016.

Alejandro Sabella
O técnico da Argentina na Copa do Mundo de 2014 foi quem comandou o Estudiantes que foi ao Mineirão, venceu o Cruzeiro por 2 a 1 conquistou a Libertadores de 2009.

Edgardo Bauza
O comandante da LDU na final da Libertadores de 2008, em que o time equatoriano derrotou o Fluminense, nos pênaltis, no Maracanã, era o argentino Bauza, que depois seria treinador do São Paulo e chegaria com a equipe até as semifinais da competição em 2016. 

Miguel Russo
O técnico argentino era o comandante do Boca Juniors na vitória por 5 a 0, no agregado, sobre o Grêmio na final da Copa Libertadores de 2007.

Carlos Bianchi
O ídolo do Boca Juniors era o treinador na final da Libertadores de 2003, quando o time argentino aplicou um agregado de 5 a 1 sobre o Santos, então campeão brasileiro. Era ele também o comandante da equipe argentina na final contra o Palmeiras, em 2000, vencida mais uma vez pelo Boca.

Se não bastasse ter vencido dois brasileiros em finais nos anos 2000 com o Boca, Bianchi também foi responsável por tirar o tri do São Paulo em 1994, quando era técnico do Vélez e venceu a decisão.

Foto: Divulgação
Fonte: Torcedores.com

O que achou?

Escrito por Natália Milreu