in ,

Entenda porque o São Paulo votou a favor de ir à Justiça para continuar o Paulistão

São Paulo diz que São Paulo tem dívidas para todos os lados - Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net

Clube garante que decisão foi pautada por aspectos científicos e esportivos, sem qualquer componente político

O São Paulo votou a favor da ideia de tentar obter uma liminar na Justiça que garantisse a continuidade do Paulistão. No encontro desta quinta-feira entre FPF e representantes dos clubes que disputam o estadual, ficou decidido pela maioria que a alternativa da judicialização está descartada.

O Tricolor garante que o posicionamento foi única e exclusivamente pautado por aspectos científicos e esportivos, sem qualquer componente político. Recentemente, o clube disponibilizou o Morumbi como posto de vacinação e, contra o Novorizontino, estampou a campanha “Vacina FC” na parte frontal do uniforme.

LEIA MAIS
CBF avisou a cúpula da FPF que não consegue a garantia de que outros Estados irão receber o Paulistão
Daniel Alves: “Quem nunca teve na fila que atire a primeira pedra”
São Paulo perto de contratar o ex-jogador Alex, para treinador do sub-20

O São Paulo acredita que os protocolos elaborados por autoridades sanitárias são eficazes na proteção dos jogadores e funcionários, que são testados constantemente. Além disso, o clube também se mostrou disposto a reduzir o número de profissionais em ação durante a fase crítica da pandemia. A ideia de fazer uma bolha nos formatos na NBA também foi discutida.

O próximo compromisso do São Paulo no Paulistão é contra o Palmeiras, fora de casa. Enquanto aguarda a definição sobre a continuidade do estadual, o Tricolor segue treinando sob o comando de Hernán Crespo no CT da Barra Funda.

Fonte: Gazeta Esportiva
Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net

O que achou?

Escrito por Natália Milreu