in , , ,

Entenda por que Rodrigo Freitas bateu o pênalti contra o Ituano

Rodrigo Freitas, do São Paulo. (Foto: Divulgação)

O jovem zagueiro Rodrigo Freitas, de 22 anos, foi o responsável por abrir o placar na vitória do Tricolor por 3 a 0 contra o Ituano na semana passada

Na partida contra o Ituano, o São Paulo teve um pênalti para ser cobrado aos 8 minutos do primeiro tempo, diante do Ituano. Naquele momento, a escalação do time em campo levava a torcida a pensar em um único batedor: Benítez.

O zagueiro de 22 anos, revelado nas categorias de base do São Paulo, pegou a bola das mãos do árbitro Raphael Claus e marcou seu primeiro gol como profissional.

Mas se engana quem pensa que Rodrigo fez a cobrança só por querer fazer seu primeiro gol pelos profissionais. O pedido foi dos próprios companheiros do banco de reservas:

– Sempre fui batedor de pênalti na época de base, e os companheiros todos sabem disso, são de Cotia – afirmou Rodrigo Freitas.

Na base, o zagueiro marcou 12 gols, sendo que cinco foram em cobranças de pênaltis. Ele marcou na Copa RS, Copa do Brasil Sub-20, Libertadores Sub-20 e Brasileiro Sub-20. A tranquilidade ao correr para a bola sempre foi uma marca do garoto.

Esta não foi a primeira vez que Rodrigo Freitas iniciou entre os 11 com Hernán Crespo. Diante do Guarani, na vitória por 3 a 2, pelo Paulistão, ele também foi acionado e jogou os 90 minutos.

Foi muito especial (fazer o gol), a gente trabalha a vida toda para vivenciar esses momentos. Fico muito feliz em poder estar ajudando o São Paulo, ainda mais marcando um gol. Só tenho a agradecer. Isso dá ainda mais força para seguir trabalhando e pensando em dar sempre o melhor pela equipe”, disse Rodrigo Freitas.

“É muito importante pra mim, acredito que para todos que vestem essa camisa. Estar no São Paulo já é algo mágico, então estar vivenciando tudo isso é um sonho”, acrescentou.

Foto: Divulgação
Fonte: GE

O que achou?

Escrito por Natália Milreu