in ,

E a CBF passa mais um pano pro time de Itaquera

Diego Costa discute com Jô. Foto: saopaulofc

Pela a agressão, Jô poderia ser punido entre 4 e 12 partidas (segundo a lei/ regra), porém, sua punição foi de apenas dois jogos, e agora, efeito suspensivo

Na partida entre São Paulo x Corinthians, no Morumbi, quando o Tricolor venceu o time imundo por 2 a 1, o atacante rival agrediu o zagueiro são-paulino, Diego Costa e sequer levou cartão amarelo, sendo que deveria ser expulso, por agredir o atleta do São Paulo.

+ Melhores momentos: São Paulo 2×2 River Plate

Em vídeo divulgado, ficou claro que o jogador deles deveria ser expulso, e não foi. Segundo o artigo 254-A, o STJD previa suspensão de quatro a 12 jogos, mas como de costume (e sem nenhuma surpresa), o atacante pegou apenas dois jogos de suspensão, e após o primeiro, recebeu efeito suspensivo.

Só uma coisa a dizer para a CBF e essa coja de corruptos: VERGONHA!

Foto: Reprodução TC

O que achou?

Escrito por Rodrigo Alcântara